Mercado abrirá em 1 h 35 min

Na busca por boas peças para 2020, Náutico e Santa Cruz decidem Copa Pernambuco

(Foto: Assessoria Santa Cruz)

Por Eryck Gomes (@EryckWaydson)

Foram seis anos fora do calendário estadual. Com o retorno, a Copa Pernambuco trouxe a possibilidade de clubes testarem peças do elenco, visando, principalmente, a temporada de 2020. A última edição foi realizada em 2012 e teve o Santa Cruz como campeão. Agora, o Tricolor chega novamente à final, tendo pela frente o Náutico. Sem pressão por título em ambos os lados, a expectativa é que bons nomes surjam do torneio.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM

SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

Desde a criação da competição, em 1994, 18 edições haviam sido realizadas. O Santa Cruz é o maior campeão, ao lado do extinto Manchete, com quatro troféus. Caso vença este ano, ficará isolado na liderança. Na atual temporada, 10 clubes participaram: Atlético Pernambucano, Cabense, Ferroviário, Íbis, Náutico, Pesqueira, Retrô, Santa Cruz, Vera Cruz e Ypiranga. Os títulos do Tricolor do Arruda foram conquistados em 2008, 2009, 2010 e 2012. Já o Timbu saiu vencedor apenas em 2011.

Até o encerramento do texto, a Federação Pernambucana de Futebol (FPF) ainda não havia anunciado as datas da final.

Leia também:

O ano do único título Alvirrubro

A temporada em que o Náutico levantou o troféu da Copa Pernambuco traz boas lembranças. Pelo segundo ano consecutivo na Série B, a equipe conseguiu o retorno à elite nacional com um vice-campeonato - a Portuguesa levou o título. Naquela edição, o clube contou com o artilheiro da segunda divisão, Kieza, com 21 gols. Em 2011, o Timbu também chegou pela última vez à fase de oitavas de final da Copa do Brasil, quando acabou sendo eliminado pelo Vasco, futuramente campeão.

Na copa estadual, a equipe teve uma campanha com nove vitórias, um empate e três derrotas. Marcou 25 gols e sofreu nove.

(Foto: Assessoria Náutico)

A temporada do tetra Tricolor

Assim como em 2019, o Santa Cruz disputava a Série C em 2012. O principal nome da equipe naquele ano foi o atacante Dênis Marques, que marcou 27 gols em 37 partidas. No estadual, o time do Arruda levou o título, em final disputada contra o Sport. Com 15 gols, Dênis Marques foi o artilheiro. Logo atrás, com 14, o Leão esteve representado por Marcelinho Paraíba.

Na Copa Pernambuco, o quarto título veio após três vitórias, quatro empates e uma derrota. A decisão terminou em 0 a 0, frente ao Porto de Caruaru. Por ter melhor campanha, o Tricolor ficou com a taça. Foram 13 gols anotados e 10 sofridos.

A Federação Pernambucana de Futebol ainda não divulgou as datas dos jogos finais da Copa Pernambuco de 2019. Sabe-se, apenas, que o Náutico será mandante na primeira partida, com o Santa Cruz decidindo em casa. Contudo, independente de quem leve o título, fica a esperança de que surja no torneio uma boa peça para os elencos do ano seguinte. Vale destacar que os dois clubes disputaram a competição com um elenco Sub-23. Até a semifinal, o time do Arruda teve quatro triunfos e dois empates, com 19 gols marcados e quatro sofridos. O Timbu teve três vitórias, duas igualdades e uma derrota. Anotou 10 gols e foi vazado três vezes.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter