Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,91 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,62 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    +2,79 (+2,68%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    21.516,27
    +137,09 (+0,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,32 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,19 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,72 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    +395,25 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5524
    +0,0407 (+0,74%)
     

Número de fintechs latinas cresce 112% em três anos, diz estudo

O número de startups financeiras na América Latina chegou a 2.482 no final de 2021, segundo estudo realizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e a consultoria e aceleradora de startups Finnovista. De acordo com os dados, adiantados pelo Estadão, o número de fintechs cresceu 112% desde 2018, quando havia 1.166.

O aumento de empresas foi impulsionado pelo Brasil, pois 31% das fintechs da região nasceram no país. Em três anos, o número de startups do ramo passou de 464 para 771. O segundo lugar é do México, com 21%, seguido de Colômbia (11%), Argentina (11%) e Chile (7%).

O levantamento mostra que este setor continua sendo a vedete das empresas emergentes de tecnologia, que vêm atraindo mais investimentos em todo o mundo. As fintechs da América Latina representam 22,6% do total de 11 mil empresas do segmento no globo.

<a class="link " href="https://canaltech.com.br/empresa/nubank/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:Nubank">Nubank</a> continua sendo o exemplo máximo de fintech latina de sucesso (Imagem: Divulgação/Nubank)
Nubank continua sendo o exemplo máximo de fintech latina de sucesso (Imagem: Divulgação/Nubank)

A brasileira Nubank continua sendo o exemplo máximo de fintech latina de sucesso. Nascida em 2013, ela também atua no México e na Argentina e abriu capital no fim do ano passado. Embora suas ações tenham desvalorizado nos últimos meses, a empresa continua sendo uma das líderes do setor.

De acordo com o estudo do BID, 70% das fintechs da América Latina atuam apenas em um país. Outras 12% atuam em dois países, e 7%, em três. As com presença em quatro países ou mais são apenas 9%, o que mostra uma internacionalização ainda baixa do setor na América Latina.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos