Mercado fechado
  • BOVESPA

    104.466,24
    +3.691,67 (+3,66%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.927,38
    +920,22 (+1,84%)
     
  • PETROLEO CRU

    67,37
    +0,87 (+1,31%)
     
  • OURO

    1.767,90
    +7,20 (+0,41%)
     
  • BTC-USD

    56.806,66
    -272,67 (-0,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.450,10
    +11,22 (+0,78%)
     
  • S&P500

    4.577,10
    +64,06 (+1,42%)
     
  • DOW JONES

    34.639,79
    +617,75 (+1,82%)
     
  • FTSE

    7.129,21
    -39,47 (-0,55%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    16.016,50
    +146,75 (+0,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3802
    -0,0666 (-1,03%)
     

Musk prevê primeiro voo orbital de foguete da SpaceX para início de 2022

·1 min de leitura
Um protótipo do foguete Starship (AFP/-)

Elon Musk afirmou nesta quarta-feira (17) que o foguete Starship, desenvolvido por sua empresa SpaceX e escolhido pela Nasa para ser o responsável pelo retorno de americanos à Lua, fará seu primeiro voo orbital no início do próximo ano.

 "Esperamos fazê-lo em janeiro, talvez em fevereiro", disse Musk durante um discurso a cientistas na Academia Nacional de Ciências.

Leia também:

 O foguete Starship já fez vários voos suborbitais e a SpaceX finalmente conseguiu pousar a espaçonave projetada para ser reutilizável. Musk espera que a autorização do Regulador Federal de Aviação Civil (FAA) dos Estados Unidos seja entregue até o final deste ano.

 "Esperamos tentar uma dúzia de lançamentos no próximo ano. Talvez mais", antecipou o bilionário.

 Astronautas na Lua só em 2025

A Nasa optou por apostar no foguete Starship como módulo de pouso que será usado como parte de seu programa Artemis de volta à lua.

 A espaçonave terá que orbitar a Lua e enviar astronautas de e para a superfície lunar, não antes de 2025.

 A SpaceX estabeleceu uma fábrica para produzir cópias em grande escala do Starship. "Acho que para nos tornarmos multiplanetários, precisaremos de 1.000 naves ou algo parecido", estimou Musk.

 la/ag/dga/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos