Mercado abrirá em 5 h 5 min
  • BOVESPA

    109.951,49
    +2.121,77 (+1,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.125,01
    -210,50 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,48
    +0,01 (+0,01%)
     
  • OURO

    1.892,90
    +2,20 (+0,12%)
     
  • BTC-USD

    22.707,46
    -499,03 (-2,15%)
     
  • CMC Crypto 200

    523,05
    -13,84 (-2,58%)
     
  • S&P500

    4.117,86
    -46,14 (-1,11%)
     
  • DOW JONES

    33.949,01
    -207,68 (-0,61%)
     
  • FTSE

    7.885,17
    +20,46 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    21.602,88
    +319,36 (+1,50%)
     
  • NIKKEI

    27.584,35
    -22,11 (-0,08%)
     
  • NASDAQ

    12.598,50
    +53,25 (+0,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5799
    +0,0125 (+0,22%)
     

Musk leiloa mobília do Twitter como parte de suas medidas de economia

Uma estátua do pássaro azul do Twitter foi vendida por US$ 100 mil na quarta-feira (18) durante um leilão organizado pela rede social de Elon Musk, que multiplicou as medidas de economia desde que comprou a plataforma no final de outubro.

Escrivaninhas, máquinas de café e objetos de decoração, como um vaso de dois metros em formato de "@" fizeram parte dos 631 lotes vendidos.

Uma enorme instalação de luz representando o pássaro azul foi cedida por US$ 40.000, de acordo com a Heritage Global Partners, a empresa que organizou a venda online.

No início de novembro, depois de comprar o Twitter por US$ 44 bilhões, Musk demitiu metade dos 7.500 funcionários do grupo, explicando que a empresa estava perdendo mais de US$ 4 milhões por dia.

A plataforma recebe a maior parte de sua receita da publicidade, mas as opiniões e decisões do chefe da Tesla sobre moderação de conteúdo assustaram vários anunciantes.

Em dezembro, o bilionário indicou durante um fórum online que havia começado a "cortar custos como um louco" para evitar a inadimplência.

Com as economias feitas e o lançamento de uma nova assinatura paga por 8 dólares por mês, segundo suas projeções, a rede social poderá atingir vendas de cerca de US$ 3 bilhões em 2023.

gc-juj/mlb/dl/mas/aa