Mercado fechado
  • BOVESPA

    130.207,96
    +766,93 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.029,54
    -256,92 (-0,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,24
    +0,36 (+0,51%)
     
  • OURO

    1.868,30
    +2,40 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    40.568,96
    +1.461,80 (+3,74%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.016,10
    +47,26 (+4,88%)
     
  • S&P500

    4.255,15
    +7,71 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.393,75
    -85,85 (-0,25%)
     
  • FTSE

    7.146,68
    +12,62 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.383,61
    +221,81 (+0,76%)
     
  • NASDAQ

    14.146,00
    +21,25 (+0,15%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1437
    +0,0122 (+0,20%)
     

Musk diz que Tesla cancelou Model S Plaid+

·1 minuto de leitura

BENGALURU, Índia (Reuters) - A produção do Model S Plaid+, de bateria de maior alcance, foi cancelada pela Tesla, afirmou o presidente-executivo da montadora norte-americana de carros elétricos, Elon Musk, em um tuíte.

"Plaid+ foi cancelado. Sem necessidade, já que o Plaid já é muito bom", escreveu Musk no tuíte.

O Model S Plaid+, que seria o veículo com mais alta autonomia da Tesla, de cerca de 840 quilômetros, foi revelado no ano passado e na ocasião Musk afirmou que o carro seria equipado com a próxima geração de células de baterias 4680. Mas a produção tinha sido adiada do final deste ano para 2022.

Segundo o site da Tesla, o Model S Plaid pode ir de zero a 100 quilômetros por hora em 1,99 segundo e tem uma velocidade máxima de 320 quilômetros por hora e autonomia para 628 quilômetros.

O Model S Plaid tinha data de lançamento em 3 de junho, mas o evento foi adiado para 10 de junho. O veículo tem preço de 112.990 dólares.

(Por Akriti Sharma)