Mercado abrirá em 3 mins
  • BOVESPA

    113.707,76
    +195,38 (+0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.734,04
    -67,64 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,34
    +1,23 (+1,40%)
     
  • OURO

    1.781,60
    +4,90 (+0,28%)
     
  • BTC-USD

    23.548,21
    -165,91 (-0,70%)
     
  • CMC Crypto 200

    561,45
    -11,36 (-1,98%)
     
  • S&P500

    4.274,04
    -31,16 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    33.980,32
    -171,69 (-0,50%)
     
  • FTSE

    7.523,84
    +8,09 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    19.763,91
    -158,54 (-0,80%)
     
  • NIKKEI

    28.942,14
    -280,63 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.515,25
    +22,00 (+0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2384
    -0,0208 (-0,40%)
     

Musk acusa Twitter de 'fraude' em acordo de compra

A batalha judicial entre o bilionário Elon Musk e o Twitter se intensificou nesta sexta-feira (5), depois que o empresário acusou a rede social de "fraude" no âmbito do acordo de compra assinado com a empresa por 44 bilhões de dólares, do qual pretende se retirar.

Em resposta a uma ação judicial do Twitter, que deseja obter uma decisão judicial que obrigue Musk a comprar a empresa, Musk apresentou uma acusação perante um tribunal especializado em negócios no estado de Delaware contra o Twitter por ter deturpado o número de contas monetizáveis (plausível para gerar renda), conforme consultado pela AFP nesta sexta-feira.

- Batalha judicial -

O Twitter e o homem mais rico do mundo se enfrentam numa batalha judicial em Delaware.

Os advogados de Musk agora acusam o Twitter de ter "mascarado a verdade" sobre o número de usuários diários monetizáveis, que a rede social estima em 238 milhões.

De acordo com os representantes legais de Musk, isso é cerca de 65 milhões a menos, e “a maioria dos anúncios” é entregue apenas a “menos de 16 milhões de usuários, uma fração” do que o Twitter relata.

“O Twitter impediu freneticamente que as informações circulassem em uma tentativa desesperada de impedir que (Elon Musk) descobrisse a fraude”, afirma a queixa.

Em meados de julho, o Twitter levou Musk ao Delaware Court of Chancery, um tribunal especializado em direito empresarial, buscando forçá-lo a honrar o acordo. O processo começará em 17 de outubro.

Duas semanas depois, o chefe bilionário da Tesla e da SpaceX reagiu com um processo "confidencial".

Musk assinou um contrato de compra por US$ 54,20 por ação, depois de entrar no capital do Twitter, rede social da qual é usuário frequente.

No final de julho, encerrou unilateralmente esse entendimento, argumentando que a empresa com sede em São Francisco mentiu sobre a proporção de contas automatizadas e spams em sua plataforma.

- Diferenças -

Musk acusa a diretoria do Twitter de esconder a verdadeira proporção de contas falsas, que a rede social estima serem menos de 5% das existentes.

Os documentos oficiais apresentados às autoridades do mercado de ações dos EUA (SEC) pela plataforma “contêm inúmeras declarações falsas e omissões que deturpam o valor do Twitter e levaram Elon Musk a concordar em comprar a empresa a um preço inflacionado”, dizem seus advogados.

A estratégia do Twitter, acrescentam, consistia em "brincar de esconde-esconde" para evitar que o comprador "descobrisse a verdade" pelo maior tempo possível.

O Twitter aponta que o empresário promoveu as negociações e que o acordo nunca mencionou as contas falsas. Seus advogados denunciam uma "tentativa de escapar de um contrato que Musk não considera mais interessante desde que o mercado de ações caiu".

Em meio a um enfraquecimento geral do mercado nos últimos meses, a queda dos lucros publicitários das redes sociais devido ao clima econômico e às críticas públicas a Musk, as ações do Twitter caíram para cerca de US$ 32 em 11 de julho.

Nesta sexta-feira, valiam US$ 41,97 em Wall Street, um aumento de 2,20%. Por outro lado, as ações da Tesla caíram 6,05%, para US$ 869,92.

gc-jm/jul/vmt/mr/dg/aa

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos