Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.672,76
    -3.755,42 (-3,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.402,73
    -283,30 (-0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,01
    +0,57 (+0,69%)
     
  • OURO

    1.769,40
    +3,70 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    64.184,38
    +2.360,46 (+3,82%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.481,22
    +17,87 (+1,22%)
     
  • S&P500

    4.519,63
    +33,17 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    35.457,31
    +198,70 (+0,56%)
     
  • FTSE

    7.217,53
    +13,70 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.410,75
    +120,25 (+0,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4962
    +0,1047 (+1,64%)
     

Museu vai expor Lamborghini apreendida do “rei do Bitcoin”

·2 minuto de leitura
Lamborghini do Bitcoin Banco no MON
Lamborghini do Bitcoin Banco no MON

A “lambo” apreendida pela Polícia Federal do Grupo Bitcoin Banco durante a Operação Daemon será exibida em um museu em Curitiba, no Paraná.

O Museu Oscar Niemeyer (MON) é um verdadeiro exemplo da arquitetura, com 35 mil metros quadrados e dois prédios que apresentam peça de arte.

No início de 2021, o MON já havia recebido cerca de 100 peças apreendidas durante a Operação Lava-Jato, encaminhadas pela PF. Ou seja, é comum que objetos de arte frutos de operações policiais sejam exibidos no local, inclusive carros de luxo personalizados.

“Lambo” do Bitcoin Banco, apreendida em Operação Daemon, vai parar em museu

Durante os dias 15 de setembro e 3 de outubro, quem visitar o Museu Oscar Niemeyer em Curitiba poderá contemplar a exposição “PF em ação no Paraná”. Com obras fotográficas de operações da polícia federal no estado, o acervo conta com 40 fotografias de várias situações envolvendo os agentes em diferentes locais do estado.

Exposição de Fotos da PF no MON
Exposição de Fotos da PF no MON/Divulgação

O evento é gratuito e aberto ao público em geral, que poderá acompanhar como é a atuação da PF no combate ao crime organizado e como são feitas as descapitalizações desses esquemas.

Aos sábados e domingos, entre 14 e 16 horas, a PF fará a apresentação de atividades no MON, como a demonstração de exercícios táticos, cães farejadores, exibição de materiais técnicos e operacionais além de viaturas.

Uma das viaturas que ficará exposta no Museu é justamente a Lamborghini apreendida na Operação Daemon, do Grupo Bitcoin Banco. Avaliada em R$ 800 mil pelas autoridades, esse veículo de luxo pertence a uma das empresas acusada de aplicar um dos maiores golpes com a imagem do Bitcoin no Brasil.

Lamborghini do Bitcoin Banco em Museu
Lamborghini do Bitcoin Banco em Museu/Divulgação

Quando a Lamborghini foi apreendida, a PF já havia declarado que “o veículo não será utilizado nas ações rotineiras da PF como viatura comum, mas sim direcionado para exposições, eventos e ações pedagógicas de repressão ao crime organizado e sobre a importância da descapitalização das organizações criminosas.”

Ou seja, essa pode ser apenas o primeiro evento que a “lambo” do Bitcoin Banco participa, mas outros deverão acontecer no futuro. Veja o vídeo abaixo da viatura em testes pelos agentes da PF, compartilhado com o Livecoins.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos