Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,91 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,62 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    +2,79 (+2,68%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    21.326,05
    +291,24 (+1,38%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,32 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,19 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,72 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    +395,25 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5524
    +0,0407 (+0,74%)
     

Murphy Oil avalia possibilidade de compra de ativos da Petrobras no Golfo do México

HOUSTON (Reuters) - A produtora de petróleo americana Murphy Oil avalia a possibilidade de usar seu direito de preferência para comprar ativos da parceira Petrobras que estão à venda no Golfo do México, disse o presidente da companhia, Roger Jenkins, nesta quinta-feira.

A Petrobras colocou à venda neste ano sua fatia de 20% em 14 campos offshore no Golfo do México. Os ativos são detidos por sua subsidiária Petrobras America, na joint venture MP Gulf of Mexico (MPGoM), na qual a Murphy tem 80% de participação.

A parcela da Petrobras na produção dos campos em 2021 foi de 10,4 mil barris por dia de óleo equivalente, segundo a estatal.

"Vamos comprar se o preço estiver bom, ou vender por um preço alto", disse Jenkins durante uma teleconferência do banco JPMorgan.

(Reportagem de Sabrina Valle)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos