Mercado fechará em 4 h 22 min
  • BOVESPA

    108.553,18
    +616,07 (+0,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.890,59
    0,00 (0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,29
    -0,02 (-0,02%)
     
  • OURO

    1.840,80
    -0,90 (-0,05%)
     
  • BTC-USD

    36.609,52
    +2.813,02 (+8,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    833,51
    +12,92 (+1,57%)
     
  • S&P500

    4.351,05
    -59,08 (-1,34%)
     
  • DOW JONES

    34.026,81
    -337,69 (-0,98%)
     
  • FTSE

    7.354,79
    +57,64 (+0,79%)
     
  • HANG SENG

    24.243,61
    -412,85 (-1,67%)
     
  • NIKKEI

    27.131,34
    -457,03 (-1,66%)
     
  • NASDAQ

    14.216,00
    -285,00 (-1,97%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1866
    -0,0421 (-0,68%)
     

Município do Rio já considera que aumento de casos de influenza configura epidemia

·1 min de leitura

RIO — A prefeitura do Rio já considera que o aumento de casos de influenza configura uma epidemia de gripe no muniípio. A informação foi confirmada pelo secretário municipal de Saúde Daniel Soranz ao GLOBO. Para ajudar no atendimento, o município pedirá ao Ministério da Saúde a reativação dos leitos do Hospital de Bonsucesso, fechados desde o incêndio na unidade em 2020.

Dados do Painel Covid-19 da prefeitura do Rio mostram como os casos de pessoas sintomas de gripe disparou nas últimas semanas. Na semana epidemiológica 45 (07 a 13 de novembro) 12.036 pessoas começaram a ter sintomas leves de gripe na cidade. Já na semana 48 (28 de novembro a 04 de dezembro), 30.407 pessoas tiveram início de sintomas de gripe, um aumento de 153% em relação a quatro semanas antes. Os dados da última semana, no entanto, ainda devem aumentar ao longo dos próximos dias.

O Ministério da Saúde define como casos de síndrome gripal aqueles em que o paciente relata ao menos dois dos seguintes sintomas: febre, calafrios, dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza, distúrbios olfativos ou distúrbios gustativos.

O início de novembro, inclusive, foi o último momento de redução de casos de síndrome gripal na cidade, que, desde então, registra aumentos todas as semanas. Junto com o aumento de pessoas com sintomas de gripe, cresce a quantidade de testes de Covid-19 feitos na cidade. O teste é indicado justamente para descartar o coronavírus, já que os sintomas são parecidos.

Neste momento, a taxa de positividade para testes de Covid no Rio beira a 0%. Atualmente 24 pessoas estão internadas com a doença em toda a rede pública da cidade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos