Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.507,40
    -31,20 (-0,09%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.017,75
    -138,50 (-0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Multilaser reinicia processo para abrir seu capital na Bolsa de Valores

·2 minuto de leitura

Responsável por produtos que vão de celulares a acessórios de informática e adegas, a Multilaser retomou nesta segunda-feira (17) o processo para realizar seu IPO (Oferta Inicial de Ações) com um pedido protocolado na Comissão de Valores Imobiliários (CVM). A empresa já havia tentado realizar a abertura de seu capital na Bolsa de Valores em 2018, mas teve seu pedido negado na época devido à volatilidade do mercado.

A Multilaser espera realizar a venda de suas ações para reforçar seu caixa, bem como para pagar dívidas e realizar aquisições que expandem seu portefólio. A nova tentativa de abertura de capital surge em um momento propício para a empresa, que adicionou 1,3 mil produtos a seu catálogo em 2020, ano em que registrou um lucro líquido de R$ 451 milhões.

Entre as áreas de destaque da companhia está sua linha de dispositivos móveis, que correspondeu a 46,7% de sua receita total no primeiro trimestre de 2021 (R$ 655,26 milhões) e a de equipamentos de TI (R$ 424,28 milhões de faturamento no período). O processo de oferta será coordenado pelo Itaú BBA junto com XP, Bank of America e UBS-BB, que substituem o JPMorgan, BTG Pactual, Citi e Credit Suisse, que participaram da tentativa de 2018.

Desempenho recente positivo

Com um catálogo extenso de produtos, a Multilaser tem registrado um grande crescimento na área de equipamentos domésticos. Em 2020, o segmento registrou uma expansão de 144% em relação a 2019 e, em 2021, representou 20% da receita total da empresa durante o primeiro trimestre fiscal.

Imagem: Divulgação/Multilaser
Imagem: Divulgação/Multilaser

Segundo o site Mais Retorno, o elemento que representa um risco às operações da empresa é a grande flutuação cambial entre o real e o dólar. Como ela usa a moeda americana para realizar suas operações de importação e depende de um cenário econômico interno aquecido para manter as vendas em alta, a companhia é especialmente suscetível a oscilações políticas e crises econômicas — elementos que podem contribuir para diminuir sua avaliação durante a realização do IPO.

O processo de abertura de capital da Multilaser pode levar de oito meses a três anos para ser finalizado. Além de exigir uma auditoria das contas da empresa, a legislação brasileira também pede que organizações interessadas em um IPO definam o volume de recursos que desejam captar, a composição das ações que serão oferecidas ao mercado e o pedido de listagem na B3, a bolsa brasileira, entre outros requisitos — clique aqui para saber mais sobre o processo.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos