Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,91 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,62 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    +2,79 (+2,68%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    21.464,63
    +127,84 (+0,60%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,32 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,19 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,72 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    +395,25 (+3,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5524
    +0,0407 (+0,74%)
     

MTST faz protesto contra a fome em shopping de luxo em São Paulo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Integrantes do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto) iniciaram uma manifestação nesta quarta-feira (8) no shopping Iguatemi, um dos mais luxuosos da capital.

O grupo protesta contra a fome. O problema atingiu 33 milhões de brasileiros, conforme levantamento divulgado nesta quarta pela Rede Penssan (Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional) e executado pelo Instituto Vox Populi.

Os manifestantes ocuparam a praça de alimentação do centro comercial levando bandeiras com palavras como "fome" e "gás de cozinha".

Eles também carregavam pedaços de ossos, uma referência às carcaças que brasileiros passaram a buscar nos açougues.

Alguns lojistas relataram que fecharam as portas porque tiveram medo de tumulto.

O Iguatemi São Paulo afirma que foi uma breve manifestação, que a segurança é prioridade e que respeita manifestações democráticas e pacíficas.

No ano passado, o MTST fez manifestação no edifício-sede da Bolsa de Valores de São Paulo (B3), na região central da capital, também para protestar contra a fome que atinge o país.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos