Mercado abrirá em 2 h 22 min
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,63 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,59 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,43
    -1,54 (-2,14%)
     
  • OURO

    1.760,20
    +8,80 (+0,50%)
     
  • BTC-USD

    44.663,91
    -3.372,34 (-7,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.116,51
    -109,02 (-8,90%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,42 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.851,70
    -111,94 (-1,61%)
     
  • HANG SENG

    24.099,14
    -821,62 (-3,30%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,75 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.170,50
    -155,50 (-1,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1871
    -0,0123 (-0,20%)
     

Mountain Bike: em feito inédito, suíças dominam o pódio

·1 minuto de leitura
(a partir da esquerda) As suíças Sina Frei, Jolanda Neff e Linda Indergand, comemoram em Izu, no Japão, em 27 de julho de 2021

A Suíça dominou a competição de mountain bike feminino dos Jogos de Tóquio-2020 nesta terça-feira, ocupando as três primeiras colocações, algo sem precedentes desde que a modalidade passou a fazer parte do programa olímpico em 1996.

Ao final dos 20,5 km do traçado de Izu, no sopé do Monte Fuji, o ouro foi conquistado por Jolanda Neff, enquanto suas compatriotas Sina Frei e Linda Indergand levaram a prata e o bronze, respectivamente.

Neff se mostrou imbatível. A suíça assumiu a liderança desde os primeiros quilômetros, aumentando gradativamente a vantagem até ter uma margem relativamente confortável de um minuto em relação a suas perseguidoras, para administrar essa vantagem com calma depois.

No difícil e técnico circuito de Izu, que se complicou ainda mais com a forte chuva que caiu poucas horas antes da prova, as suíças não cometeram erros, enquanto muitas de suas adversárias perderam tempo com escorregões ou falhas técnicas.

Jolanda Neff, 28 anos, era uma das favoritas, já que faz parte da elite mundial: campeã mundial da maratona de mountain bike em 2016, depois cross-country e revezamento no ano seguinte. Ela também tem quatro títulos de campeã europeia em seu currículo.

Versátil, Neff também já competiu no ciclismo de estrada, em que conquistou dois títulos de campeã suíça (2015 e 2018).

cpb/jr/psr/dr/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos