Mercado fechará em 2 h 48 min
  • BOVESPA

    107.284,78
    -1.166,42 (-1,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.589,13
    +146,92 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,81
    +0,66 (+0,80%)
     
  • OURO

    1.666,80
    -3,20 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    19.418,87
    -123,32 (-0,63%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,86
    -2,12 (-0,48%)
     
  • S&P500

    3.632,11
    -86,93 (-2,34%)
     
  • DOW JONES

    29.142,18
    -541,56 (-1,82%)
     
  • FTSE

    6.881,59
    -123,80 (-1,77%)
     
  • HANG SENG

    17.165,87
    -85,01 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    26.422,05
    +248,07 (+0,95%)
     
  • NASDAQ

    11.168,50
    -387,25 (-3,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2766
    +0,0440 (+0,84%)
     

Motorola Moto G Go vaza em teste com chip MediaTek de entrada

A Motorola deve expandir a sua família de celulares de entrada com a chegada de um novo Moto G. O chamado Moto G Go deu as caras em um teste no Geekbench, uma das principais plataformas de benchmark da atualidade, e teve algumas das suas especificações comentadas.

A listagem na plataforma indica que seu nome oficial deve ser mesmo Motorola Moto G Go. Mesmo com o Android 13 já disponível há algumas semanas, o smartphone deve ser revelado ainda com o sistema operacional Android 11. A julgar pelo seu nome, são grandes as chances de se tratar do Android 11 Go, versão voltada para celulares de entrada com pouca memória RAM e armazenamento.

Além disso, ele foi encontrado com somente 2 GB de memória RAM, quantidade considerada pouca mesmo para dispositivos de entrada mais recentes. O fato de talvez rodar o Android Go pode fazer sentido, nesse caso.

Moto G Go deve ter apenas 2 GB de RAM e processador MediaTek Helio G25 (Imagem: Reprodução/MySmartPrice)
Moto G Go deve ter apenas 2 GB de RAM e processador MediaTek Helio G25 (Imagem: Reprodução/MySmartPrice)

Ele dá as caras, ainda, com um processador MediaTek de código "MT6762G", identificação que remete ao Helio G25. Essa plataforma anunciada em meados de 2020 possui CPU de oito núcleos, sendo quatro deles mais potentes de 2 GHz e outros quatro voltados para eficiência energética com 1,5 GHz, tendo a GPU PowerVR GE8320 embarcada.

Com esse conjunto, ele conseguiu registrar 141 pontos no teste com apenas um núcleo e outros 508 pontos no teste que exige a capacidade máxima do smartphone, reforçando seu posicionamento como um modelo de entrada.

O que esperar do Motorola Moto G Go?

De acordo com o que foi vazado anteriormente, o Moto G Go deve contar com características bem simples. Ele deve ter uma tela IPS LCD com um notch no topo onde ficará uma câmera de 5 MP para selfies e videochamadas. Atrás, ele deve contar com duas câmeras, uma com sensor de 13 MP e outra de 2 MP de função não especificada.

Além disso, ele deve ter porta USB Tipo-C para carregamento e transferência de dados, conexão P2 de 3,5 mm para fones de ouvido e um leitor de impressões digitais posicionado na tampa traseira.

Infelizmente, ainda não existe uma data definida para a sua oficialização. Por conta disso, fique de olho aqui no Canaltech para não perder nenhuma novidade.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: