Mercado fechará em 6 h 46 min
  • BOVESPA

    129.513,62
    0,00 (0,00%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.558,32
    +387,54 (+0,77%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,38
    +0,08 (+0,11%)
     
  • OURO

    1.788,20
    +11,50 (+0,65%)
     
  • BTC-USD

    33.016,00
    -912,25 (-2,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    791,12
    +4,51 (+0,57%)
     
  • S&P500

    4.266,49
    +24,65 (+0,58%)
     
  • DOW JONES

    34.196,82
    +322,58 (+0,95%)
     
  • FTSE

    7.134,43
    +24,46 (+0,34%)
     
  • HANG SENG

    29.288,22
    +405,76 (+1,40%)
     
  • NIKKEI

    29.066,18
    +190,95 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    14.375,25
    +21,00 (+0,15%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,8737
    +0,0114 (+0,19%)
     

Motorola deve lançar celular resistente e com processador Snapdragon

·1 minuto de leitura

A Motorola tem uma linha bem completa de smartphones, com aparelhos da série Moto G, como o Moto G10, Moto G30 e Moto G100, o dobrável Motorola Razr 5G e também os topo de linha da série Edge, como o Edge Plus. Porém, tudo indica que em breve haverá um modelo da marca com foco em resistência.

A questão é que esse novo celular da norte-americana deve ser feito pela Bullitt Group, uma empresa do Reino Unido, e contar apenas com a marca da gigante. A Bullitt Group é a fabricante por trás dos modelos dos dispositivos da Cat, Kodak e Land Rover, por exemplo.

Motorola Moto G100, um dos últimos lançamentos da marca (Imagem: Reprodução/Motorola)
Motorola Moto G100, um dos últimos lançamentos da marca (Imagem: Reprodução/Motorola)

O suposto smartphone com foco em resistência da Motorola deve contar com uma bateria de 5.000 mAh, e ainda traz suporte a carregamento rápido de 20 watts, assim como alguns modelos da série Moto G.

Além disso, ele deve contar com especificações técnicas de um aparelho intermediário, como um processador Qualcomm Snapdragon 662, com uma placa gráfica Adreno 610. Outras especificações ainda seguem desconhecidas.

Importante destacar que ele deve certamente ser mais resistente que os Moto Z Force e Moto Z2 Force, que traziam a tela com tecnologia ShatterShield, contra trincos. Isso porque basicamente a tela era mais resistente, mas não necessariamente o restante do smartphone em si.

Seja como for, outros detalhes sobre o suposto smartphone da Motorola com foco em resistência ainda seguem desconhecidos. Portanto, ainda será preciso aguardar por mais vazamentos e rumores falando sobre ele. Dessa forma, acompanhe o Canaltech para não perder nenhuma informação.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos