Mercado abrirá em 2 h 3 min
  • BOVESPA

    100.774,57
    -1.140,88 (-1,12%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.007,16
    +308,44 (+0,62%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,95
    +1,38 (+2,10%)
     
  • OURO

    1.771,30
    -13,00 (-0,73%)
     
  • BTC-USD

    56.709,20
    -456,79 (-0,80%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.446,31
    -22,77 (-1,55%)
     
  • S&P500

    4.513,04
    -53,96 (-1,18%)
     
  • DOW JONES

    34.022,04
    -461,68 (-1,34%)
     
  • FTSE

    7.122,10
    -46,58 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.934,00
    +64,25 (+0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4085
    -0,0383 (-0,59%)
     

Moto Watch 100 vaza em imagens; veja lista de recursos

·2 min de leitura

Após um período em uma certa zona de conforto, a Motorola voltou a investir em tops de linha com os Moto G100 e a linha Edge. Lembram tempos nos quais a empresa brigava neste segmento com os Moto X e Moto Z, após anos investindo nos intermediários da linha Moto G e nos básicos Moto E.

Outro sinal de que a companhia voltou a diversificar seus lançamentos para o mercado mobile é aquele que crava o desenvolvimento de um novo smartwatch. Ela não fabricava um desses desde 2015, já que até o Moto 360 disponibilizado em 2019 foi criado por uma empresa que licenciou os direitos comerciais do aparelho.

(Imagem: Reprodução/91mobiles)
(Imagem: Reprodução/91mobiles)

Chamado no momento de Moto Watch 100, o relógio inteligente teria recursos simples, mas visual premium. Traria ainda funções como monitoramento de batimentos cardíacos, saturação sanguínea, acompanhamento de sono e passos, além de GPS integrado e Bluetooth 5.0.

Sua bateria pode contar com 355 mAh, mas não se sabe qual sistema ele embutirá. Se for um SO proprietário e mais simples, como Huawei e Xiaomi usam nos seus produtos, é provável que a autonomia alcance semanas. Se for adotado o WearOS, a boa notícia ficaria pelo suporte à loja de apps e ferramentas mais completas — em troca de duração bem menor antes de exigir recarga.

Sua tela teria 1,3 polegadas em um painel LCD de resolução 360 x 360. Por estar sendo projetado como um dispositivo simples, ficaria devendo a coroa giratória, mas traria dois botões físicos para facilitar o uso no dia a dia.

Por último, o vazamento contempla as dimensões do Moto Watch 100: 42 x 46 x 11,9 mm. Ele pesaria apenas 29 gramas, e utilizaria pulseiras de 20 milímetros.

Modelos realmente Premium

(Imagem: Reprodução/91mobiles)
(Imagem: Reprodução/91mobiles)

Os rumores apontam também para o desenvolvimento de mais smartwatches pela Motorola. Com o Moto Watch 100 sendo a provável solução econômica, os outros poderão incluir mais recursos de atividades físicas e saúde, com visual mais premium — e claro, cobrando mais por isso.

Por enquanto não se fala no preço ou data de lançamento do relógio — mas ele já estaria em fase de produção em massa. É incerto quando a Motorola poderia anunciá-lo, já que, pelo seu histórico recente, não vimos smartwatches como vemos o tempo todo por parte da Samsung, que adquiriu o hábito de anunciar o vestível ao lado dos seus flagships.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos