Mercado fechará em 1 h 51 min

Moscou fecha restaurantes, cafés, comércio e parques por 10 dias por covid-19

O prefeito de Moscou, Sergey Sobyanin, anunciou nesta quinta-feira que restaurantes, cafés, bares, parques e o comércio não essencial da capital russa ficarão fechados até o dia 5 de abril.

A decisão foi tomada após o presidente do país, Vladimir Putin, pedir que todos que trabalhem em setores não essenciais permaneçam em casa na próxima semana, com a garantia de que terão os salários preservados.

Farmácias, bancos, instituições médicas e serviços de transporte devem seguir funcionando normalmente. Os restaurantes poderão fazer entregas em domicílio.

“As restrições introduzidas hoje não tem precedentes na história moderna de Moscou. Acreditem em mim que elas são absolutamente necessárias para diminuir a disseminação do vírus e reduzir o número de casos”, afirmou Sobyanin.

Nas últimas 24 horas, mais 182 pessoas testaram positivo para a Covid-19 na Rússia, um novo recorde. O total de casos no país subiu para 840 e ao menos três pessoas morreram. Moscou é a principal área afetada pela doença no país.

Ex-chefe de gabinete de Putin, Sobyanin questionou nos últimos dias os dados oficiais sobre a pandemia e afirmou que o número de infectados era “muito maior” do que o governo admitia.