Mercado fechado

Morre aos 87 André Beer, ex-vice-presidente da GM

IVAN MARTÍNEZ-VARGAS

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Morreu na madrugada deste sábado (9), aos 87 anos, o ex-vice presidente da GM (General Motors) André Beer. O executivo foi também presidente da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores) em dois mandatos (entre 1983 e 1986 e de 1986 a 1989).

Beer fez carreira na GM, onde permaneceu por 48 anos, até 1999. Começou a trabalhar quando tinha 15 anos como apontador de oficina -funcionário que atende os clientes na área de serviços e reparos- da agência Chevrolet de Santo André, região metropolitana de São Paulo.

Formado em administração pela faculdade Senador Fláquer, entrou na fábrica da GM em 1951, na área de custos. Sete anos depois, era supervisor de contabilidade. Em 1971, foi nomeado diretor.

Entre 1948 e 1957, teve uma banda e trabalhou também em rádio. "Tocava acordeão. Música é o que mais gosto, além do meu trabalho", disse em entrevista à Folha de S.Paulo em 1995.

Beer saiu da GM aos 67, dois anos depois da idade-limite para um executivo segundo o estatuto da empresa à época. Permaneceu na empresa a pedido da própria GM.

Em 2000, tornou-se consultor da companhia e assessor especial da presidência. Em seguida, manteve atuação como consultor independente.