Mercado fechará em 5 h 3 min
  • BOVESPA

    113.917,08
    +209,32 (+0,18%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.455,63
    -278,41 (-0,57%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,33
    +2,22 (+2,52%)
     
  • OURO

    1.776,40
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    23.455,03
    +70,71 (+0,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    559,24
    +1,51 (+0,27%)
     
  • S&P500

    4.274,63
    +0,59 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    33.906,84
    -73,48 (-0,22%)
     
  • FTSE

    7.527,03
    +11,28 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    19.763,91
    -158,54 (-0,80%)
     
  • NIKKEI

    28.942,14
    -280,63 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.501,25
    +8,00 (+0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2432
    -0,0160 (-0,30%)
     

Morre a bilionária Lily Safra, uma das mulheres mais ricas do mundo

Morreu aos 87 anos a bilionária Lily Safra, uma da mulheres mais ricas do mundo. Foto: REUTERS/Eric Gaillard.
Morreu aos 87 anos a bilionária Lily Safra, uma da mulheres mais ricas do mundo. Foto: REUTERS/Eric Gaillard.
  • A bilionária gaúcha Lily Safra, uma das mulheres mais ricas do mundo, morreu neste sábado (9) aos 87 anos;

  • Lily, que possuía uma fortuna estimada em US$ 1,3 bilhão, foi casada durante 23 anos com o banqueiro libanês naturalizado brasileiro Edmond Safra;

  • Edmond Safra morreu em 1999 vítima de um incêndio em seu apartamento na cidade-estado de Mônaco.

A bilionária gaúcha Lily Safra, uma das mulheres mais ricas do mundo, morreu neste sábado (9) aos 87 anos na cidade de Genebra, na Suíça. A causa do óbito não foi divulgada.

Lily, que possuía uma fortuna estimada em US$ 1,3 bilhão, cerca de R$ 6,8 bilhões na cotação atual, foi casada durante 23 anos com o banqueiro libanês naturalizado brasileiro Edmond Safra, que morreu em 1999 vítima de um incêndio em seu apartamento na cidade-estado de Mônaco.

Leia também:

Ela adquiriu parte de seu patrimônio nesse período. Na época, teorias conspiratórias foram alimentadas e o assunto ganhou as manchete globais. O caso foi encerrado depois que o enfermeiro que cuidava do bilionário foi condenado pelo crime.

Antes de se casar em 1976 com Safra, seu quarto marido, Lily foi casada com o empresário Alfredo Monteverde, fundador da rede varejista Ponto Frio. Ele se suicidou em 1969 em seu apartamento. Em seguida, a viúva herdou uma participação na empresa.

Ela a vendeu em 2009 por US$ 340 milhões, quase R$ 1,8 bilhão, para a companhia varejista Grupo Pão de Açúcar. Em 2015, a negociação resultou em um processo vencido por Lily.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos