Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    34.512,30
    -1.162,84 (-3,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.017,75
    -138,50 (-0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Monetize seu conteúdo: Facebook e Instagram anunciam novidades para criadores

·2 minuto de leitura
Monetize seu conteúdo: Facebook e Instagram anunciam novidades para criadores
Monetize seu conteúdo: Facebook e Instagram anunciam novidades para criadores

A partir desta terça-feira (8), os criadores de conteúdo que querem vender seus próprios produtos ou investir em construir sua marca de maneira relevante no aplicativo Instagram poderão vincular o seu perfil pessoal com sua loja. Antes, só era permitido que um perfil comercial utilizasse esse recurso no Instagram.

As novidades foram apresentadas por Mark Zuckerberg na Creators Week, que é uma semana de programas virtuais de desenvolvimento profissional para criadores – aspirantes e emergentes – no Instagram e no Facebook, realizada nos Estados Unidos.

“Eu acho que qualquer visão positiva do futuro tem que envolver muito mais pessoas sendo capazes de ganhar dinheiro expressando sua criatividade e fazendo coisas que querem fazer, ao invés de coisas que precisam – e ter as ferramentas e a economia em torno deles para apoiar seu trabalho é crítico”, pontuou fundador da marca.

Agora, o criador de conteúdo pode escolher vincular sua loja que já existe ou criar uma nova a partir do perfil pessoal, assim, será possível conversar e vender seus produtos diretamente para os seus seguidores.

Crédito: Instagram
Crédito: Instagram

Será possível também vincular as próprias contas a um dos quatro parceiros da marca: Fanjoy, Represent, Spring e UMG. Portanto, será possível configurar o modelo de negócio e despertar cada vez mais o interesse das pessoas com lançamentos exclusivos no Instagram. Para quem mora nos EUA, esse recurso estará disponível até o fim do ano.

Além disso, é uma nova forma de monetizar através do recurso Badges no ao vivo do plataforma. Os influenciadores poderão receber um pagamento extra ao completarem algumas “missões” quando usarem o recurso, por exemplo, fazer uma transmissão ao vivo com outra conta.

Já no Facebook, o pagamento extra acontece para criadores que usem o recurso de estrelas, com “missões” como transmitir ao vivo por um determinado número de horas ou ganhar uma quantidade de estrelas de fãs dentro num dado período de tempo.

Crédito: Instagram
Crédito: Instagram

As atualizações são parte dos esforços para apoiar criadores de conteúdo enquanto começam e consolidam suas carreiras nos aplicativos. Nosso objetivo é ser a melhor plataforma para criadores de conteúdo como vocês ganharem dinheiro”, disse Mark Zuckerberg.

Ele complementou que “se você tem uma ideia que deseja compartilhar com o mundo, você deve ser capaz de criá-la e divulgá-la com facilidade e simplicidade – no Facebook e no Instagram – e então ganhar dinheiro com seu trabalho”.

O objetivo da empresa é transformar o Instagram e o Facebook no principal espaço para os criadores de conteúdo compartilharem suas histórias, crescerem e também ganharem dinheiro. O desejo é apoiar esses profissionais a conquistarem suas metas.

Leia mais:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos