Mercado fechará em 3 h 17 min

Molnupiravir | Chegada de remédio da covid ao Brasil é adiada pela Anvisa

Neste semana, o Brasil deveria receber os primeiros lotes do remédio Molnupiravir, desenvolvidos pela MSD, para o combate à covid-19. No entanto, a farmacêutica anunciou, na tarde desta sexta-feira (28), que a entrega do medicamento será adiada, após pedido de análise adicional da medicação feito pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Até então, o Molnupiravir estaria disponível em centros privados de saúde, como hospitais, farmácias e clínicas oncológicas. Liberado apenas com prescrição médica, o tratamento oral MSD contra a covid-19 seria comercializado pelo valor de R$ 1.700.

Entenda o porquê da chegada do Molnupiravir ser adiada no Brasil

Decisão da Anvisa adia chegada do remédio Molnupiravir contra covid no Brasil (Imagem: Twenty20photos/Envato Elements)
Decisão da Anvisa adia chegada do remédio Molnupiravir contra covid no Brasil (Imagem: Twenty20photos/Envato Elements)

Em nota, a MSD informa ter recebido uma comunicação da Anvisa, onde foi solicitada uma "análise adicional para que a empresa possa disponibilizar Molnupiravir, antiviral oral para tratamento da covid-19, nas farmácias e em hospitais" brasileiros.

"Assim que reavaliado pelo órgão, Molnupiravir poderá estar disponível para os pacientes nestes locais", acrescenta a farmacêutica. No momento, não há mais uma previsão oficial para quando isso deve ocorrer.

Vale lembrar que, anteriormente, o medicamento contra covid-19 foi aprovado para uso emergencial em resposta à emergência de saúde pública provocada pela pandemia do coronavírus SARS-CoV-2 no Brasil. Hoje, a farmacêutica afirma que o remédio "está em uso em 30 países e mais de 10 milhões de tratamentos já foram distribuídos em todo mundo".

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: