Mercado abrirá em 43 mins
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,74 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,55
    +3,40 (+4,99%)
     
  • OURO

    1.797,10
    +9,00 (+0,50%)
     
  • BTC-USD

    57.239,99
    +2.615,85 (+4,79%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.432,11
    -23,30 (-1,60%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,06 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.122,62
    +78,59 (+1,12%)
     
  • HANG SENG

    23.852,24
    -228,28 (-0,95%)
     
  • NIKKEI

    28.283,92
    -467,70 (-1,63%)
     
  • NASDAQ

    16.219,75
    +168,75 (+1,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3045
    -0,0440 (-0,69%)
     

Minoritários da Vibra comunicam sobre assinatura de acordo para disciplinar votos

·1 min de leitura
Posto de combustíveis com bandeira BR em Natal (RN)

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vibra Energia (ex-BR Distribuidora) recebeu notificação de acionistas acerca da celebração de acordo para disciplinar o exercício do direito de voto relativo às participações minoritárias detidas pelos signatários, conforme fato relevante enviado ao mercado nesta quarta-feira.

A correspondência foi enviada pelos acionistas Dynamo Administração de Recursos, Dynamo Internacional Gestão de Recursos, Samambaia Master Fundo de Investimento em Ações Investimento no Exterior – BDR Nível I e Ronaldo Cezar Coelho.

O acordo de acionistas vincula um total de 167.270.500 ações ordinárias de emissão da Vibra, sendo 114.083.800 detidas pelo Grupo RCC e 53.186.700 detidas por veículos de investimento geridos pela Dynamo, considerando a posição detida nesta data pelos signatários, disse a empresa.

Os acionistas pontuaram que "compartilham visões convergentes quanto ao processo de transição a ser perseguido pela Vibra e pretendem contribuir para o crescimento sustentável dos seus negócios de acordo com princípios e valores que devem orientar as suas atividades no longo prazo".

"Porém, não possuem intenção de formar um bloco de controle ou alterar a estrutura administrativa da companhia, reservando-se o direito de, oportunamente, indicar membros para compor o conselho de administração da companhia", disse a Vibra.

(Por Marta Nogueira)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos