Ministro vê recuperação da Grécia em 2014, diz jornal

A recessão da economia da Grécia deve continuar pelo sexto ano consecutivo em 2013, mas pode haver sinais de crescimento em 2014, disse neste sábado o ministro das Finanças do país, Yannis Stournaras, ao jornal grego Imerisia. "Após a segunda metade de 2013, acredito que seremos capazes de ver crescimento, com taxas positivas de variação do Produto Interno Bruto (PIB) em base trimestral ou mensal", afirmou.

De acordo com estimativas oficiais, a tomada de novas medidas de austeridade, em uma economia já fragilizada, vai causar uma recessão de 4,5% no próximo ano. Os ministros de Finanças da zona do euro apoiaram na quinta-feira a liberação de ajuda à Grécia e a próxima parcela, de cerca de 34 bilhões de euros, será enviada a Atenas nos próximos dias.

"Qualquer avanço que alcançarmos a partir de agora vai ser como chuva no deserto, haja vista que o país estará acordando de uma recessão de duração sem precedentes", disse Stournaras. Mais cedo neste sábado, durante discurso em uma conferência, o ministro afirmou que a Grécia vai usar 16 bilhões de euros para recapitalizar seu setor bancário na próxima semana e outros 7,2 bilhões de euros entre janeiro e março de 2013. As informações são da Dow Jones.

Carregando...