Ministro japonês defende apoio a companhias aéreas

O ministro de Transporte do Japão, Akihiro Ota, disse nesta sexta-feira que o governo pode ter de considerar medidas para sustentar as companhias aéreas que operam com aviões Boeing 787 Dreamliner após a suspensão global de voos da aeronave no mês passado.

"Podemos ter de pensar em como lidar com (a suspensão) em algum momento", afirmou Ota em uma coletiva de imprensa.

Ainda assim, o ministro disse que a prioridade continua sendo encontrar a causa dos incidentes que levaram à interdição das aeronaves.

Uma bateria que pegou fogo em um 787 da Japan Airlines em Boston e outro problema de bateria com o mesmo modelo de uma aeronave da All Nippon Airways levou a suspensão de todos voos dos 50 aviões 787 em todo o mundo em meados de janeiro. As informações são da Dow Jones.

Carregando...