Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    34.102,79
    +199,16 (+0,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

Ministério Público denuncia rapaz que esfaqueou jovem em shopping de Niterói por feminicídio triplamente qualificado

·1 minuto de leitura

O Ministério Público do Rio (MP-RJ) denunciou à Justiça, nesta quarta-feira, o homem preso por matar uma jovem a facadas em um shopping no Centro de Niterói, na Região Metropolitana do Rio. O crime aconteceu no dia 2 de junho. Matheus dos Santos da Silva, de 21 anos, era colega de turma de Vitorya Melissa Mota, de 22 - os dois estudavam juntos em um curso técnico de enfermagem próximo ao centro comercial. A notícia sobre a denúncia foi publicada em primeira mão no blog de Ancelmo Gois, no jornal O GLOBO.

A Promotoria de Justiça junto à 3ª Vara Criminal de Niterói – Tribunal do Júri enquadrou Matheus no crime de feminicídio triplamente qualificado: praticado por motivo torpe, por meio cruel e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima. Testemunhas relataram à polícia que o rapaz nutria sentimentos afetivos por Vitorya e ficou contrariado quando a jovem respondeu que eles seriam apenas amigos.

Uma amiga de Vitorya contou detalhes da relação entre a vítima e Matheus aos investigadores em depoimento. Segundo ela, a jovem havia decidido se afastar do rapaz para não dar a ele qualquer esperança, o que teria provocado a ira do mesmo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos