Mercado abrirá em 2 h 42 min
  • BOVESPA

    130.207,96
    +766,93 (+0,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.029,54
    -256,92 (-0,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,23
    +0,35 (+0,49%)
     
  • OURO

    1.865,90
    0,00 (0,00%)
     
  • BTC-USD

    39.995,41
    +792,11 (+2,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.002,94
    +34,10 (+3,52%)
     
  • S&P500

    4.255,15
    +7,71 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    34.393,75
    -85,85 (-0,25%)
     
  • FTSE

    7.165,97
    +19,29 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    28.638,53
    -203,60 (-0,71%)
     
  • NIKKEI

    29.441,30
    +279,50 (+0,96%)
     
  • NASDAQ

    14.133,25
    +8,50 (+0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1346
    +0,0031 (+0,05%)
     

Ministério da Saúde confirma compra de mais 100 milhões de doses da vacina da Pfizer

·1 minuto de leitura

O Ministério da Saúde divulgou nesta terça-feira que fechou contrato para importar mais 100 milhões de doses da vacina da Pfizer. As doses, no entanto, só começarão a chegar em setembro. Do montante, 35 milhões devem ser entregues só no mês seguinte.

"O Ministério da Saúde informa que já assinou o contrato com a Pfizer e aguarda a assinatura do laboratório. Cabe ressaltar que há uma diferença de fuso horário, já que a sede da empresa está na Bélgica. A expectativa da pasta é receber as 100 milhões de doses contratadas a partir de setembro de 2021", diz a nota divulgada pela pasta.

Mais cedo no Palácio do Planalto, o ministro Marcelo Queiroga afirmou que a compra já havia sido autorizada:

— Ontem, como prova disso, o presidente da República autorizou mais uma compra de 100 mi de vacinas da Pfizer. Essas vacinas serão entregues ainda esse ano. Mais de 30 milhões no mês de setembro e as demais até dezembro.