Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.923,93
    +998,33 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,18 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    80,34
    -0,88 (-1,08%)
     
  • OURO

    1.811,40
    -3,80 (-0,21%)
     
  • BTC-USD

    16.974,26
    -62,86 (-0,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    404,33
    +2,91 (+0,72%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,87 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.556,23
    -2,26 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    18.675,35
    -61,09 (-0,33%)
     
  • NIKKEI

    27.777,90
    -448,18 (-1,59%)
     
  • NASDAQ

    11.979,00
    -83,75 (-0,69%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4940
    +0,0286 (+0,52%)
     

Ministério da Saúde alerta que homens vão menos ao médico que as mulheres

A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) e o Ministério da Saúde fizeram um levantamento e descobriram que os homens vão menos ao médico que as mulheres, o que reforça o alerta do novembro azul, onde muito se fala da conscientização em torno da saúde masculina.

Segundo esse levantamento, no ano passado, o Sistema Único de Saúde (SUS), atendeu 862 milhões de pacientes do sexo feminino, em comparação com 725,4 milhões do sexo masculino. Já neste ano, até junho, foram 379,4 milhões contra 312,4 milhões.

O relatório também revela que, no primeiro semestre de 2022, foram 1,2 milhão de consultas de mulheres por ginecologistas e apenas 200 mil de homens por urologistas. O Sistema de Informação Ambulatorial do Ministério da Saúde indica que 16.055 homens brasileiros morreram de câncer de próstata.

Ministério da Saúde alerta que homens vão menos ao médico do que as mulheres (Imagem: Wutzkoh/Envato Elements)
Ministério da Saúde alerta que homens vão menos ao médico do que as mulheres (Imagem: Wutzkoh/Envato Elements)

A ideia do Novembro Azul é justamente diminuir o número de casos (e principalmente mortes) por câncer de próstata. De acordo com o Ministério da Saúde, a pandemia ainda apresentou impactos no tratamento do câncer, de forma que o número de cirurgias para a retirada da próstata caiu 21,5%.

Com isso, os especialistas apontam que atualmente o objetivo é retomar os cuidados com a saúde, e dirigir um olhar especial ao diagnóstico precoce, o que consegue diminuir o número de mortes, por aumentar a chance de cura. Outro alerta é que o Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima 65.840 novos casos de câncer de próstata para este ano.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: