Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    53.904,69
    -827,93 (-1,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3151
    +0,0769 (+1,23%)
     

Mineradoras de carvão pressionam ações da China depois de medidas para conter preços

·2 min de leitura
A Bolsa de Valores de Xangai durante a epidemia de coronavírus, no distrito financeiro de Pudong

XANGAI (Reuters) - As ações da China fecharam em baixa nesta sexta-feira, pressionadas pelas mineradoras de carvão em meio a medidas intensivas no país para conter os preços e ampliar a produção.

Já as empresas imobiliárias recuaram depois de uma incorporadora dizer que sua unidade perdeu o pagamento de um produto de gestão de riqueza.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,54%, enquanto o índice de Xangai teve baixa de 1,0%.

Na semana, o CSI300 teve queda de 1,4%, enquanto o índice de Xangai recuou 1,6%, ambos registrando os maiores declínios semanais em sete semanas.

As mineradoras de carvão caíram 4,4% uma vez que a agência estatal de planejamento publicou sete comunicados nos últimos dois dias mostrando a produção recente de carvão e seus esforços para conter os preços.

A agência disse que a produção diária de carvão está próxima de uma máxima recorde este ano em meio a uma série de medidas.

As empresas imobiliárias perderam 2,1%, uma vez que aumentaram as preocupações com uma crise de liquidez no setor depois que a incorporadora Kaisa Group Holdings Ltd disse que sua unidade financeira perdeu o pagamento de um produto de gestão de riqueza.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,61%, a 29.611 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,41%, a 24.870 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 1,00%, a 3.491 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,54%, a 4.842 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,47%, a 2.969 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 1,28%, a 17.296 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,70%, a 3.242 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,39%, a 7.456 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos