Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,31 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -908,97 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,29
    -0,61 (-0,70%)
     
  • OURO

    1.836,10
    -6,50 (-0,35%)
     
  • BTC-USD

    36.555,04
    -3.795,25 (-9,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    870,86
    +628,18 (+258,85%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,02 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.965,55
    +13,20 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.522,26
    -250,67 (-0,90%)
     
  • NASDAQ

    14.411,00
    -430,00 (-2,90%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1900
    +0,0599 (+0,98%)
     

Minério sobe com expectativa de reposição de estoques de usinas

·2 min de leitura

(Bloomberg) -- Os futuros do minério de ferro deram um salto de quase 10% em meio ao otimismo com a reposição dos estoques de siderúrgicas chinesas, reforçado pelo maior apetite por risco nos mercados globais.

Most Read from Bloomberg

Os preços se recuperaram depois das perdas causadas por incertezas sobre o rumo da pandemia na sexta-feira, em linha com um rali de commodities como níquel e petróleo, liderado por apostas de que o impacto de uma nova variante do coronavírus pode não ser tão grave quanto inicialmente temido. Além da ampla recuperação dos ativos de risco, o minério de ferro se beneficia dos sinais de que a pressão sobre a produção de aço da China começa a diminuir.

“A demanda por minério de ferro caiu para uma mínima de três anos no início do mês”, escreveu a Mysteel em relatório. “Agora, a esperada retomada da produção de aço em dezembro altera a percepção do mercado e muda a tendência.”

O grupo de pesquisa de Xangai disse que a produção de ferro-gusa pode aumentar em 37 mil toneladas por dia até o fim de dezembro, com a retomada de 16 altos-fornos antes parados e dois que estavam em manutenção. É um número relativamente pequeno, mas pode marcar um ponto de inflexão após meses de restrições à produção de aço.

O minério de ferro teve um ano volátil, com a forte demanda no primeiro semestre anulada pelo controle da China sobre as finanças do setor imobiliário, o que levou à queda na atividade de construção, e também pela iniciativa do governo para reduzir a poluição e emissões. A produção de aço caiu para o menor nível desde 2017 em outubro, e os futuros em Singapura atingiram a mínima em 18 meses no início de novembro.

Os preços na Bolsa de Singapura chegaram a subir 9,6%, para US$ 105,50 a tonelada, e eram negociados a US$ 102,90 às 15h31 no horário local. Em Dalian, o minério de ferro avançou 6,8%.

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos