Mercado fechará em 3 h 3 min
  • BOVESPA

    103.502,10
    +2.727,53 (+2,71%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.562,42
    +555,26 (+1,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,12
    +0,55 (+0,84%)
     
  • OURO

    1.768,40
    -15,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    56.428,30
    -2.236,54 (-3,81%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.437,11
    -1,78 (-0,12%)
     
  • S&P500

    4.547,97
    +34,93 (+0,77%)
     
  • DOW JONES

    34.460,97
    +438,93 (+1,29%)
     
  • FTSE

    7.129,10
    -39,58 (-0,55%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.825,25
    -44,50 (-0,28%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3810
    -0,0658 (-1,02%)
     

Minério de ferro volta a cair e mira no fundo.

·2 min de leitura

O minério de ferro permaneceu por cerca de um ano e três meses trabalhando dentro de um canal de alta. Neste período, a commodity chegou a subir mais de 200%. Porém, quando começou a cair, o movimento foi mais abrupto. Em cerca de um mês, entre julho e agosto de 2021, o minério de ferro caiu em torno de 40%. Na sequência, após fazer um pequeno movimento de alta, o ativo voltou a cair e acionou um pivô de baixa.

Depois que acionou o pivô, o ativo veio novamente com força para baixo, até alcançar o alvo de 100%. A commodity respeitou o suporte gerado pelo alvo e passou a subir. Mas, apesar do movimento de alta realizado, o minério de ferro continua em tendência de baixa. Isso pode ser observado ao serem traçadas as retrações de Fibonacci do último movimento de queda.

Conforme observado, o ativo subiu até a retração de 61,8%, onde encontrou uma resistência e voltou a cair. O padrão formado sobre a resistência já indicava que o ativo voltaria a cair, pois se trata de um padrão de reversão conhecido como “Nuvem negra”.

O minério de ferro permaneceu por mais alguns dias andando de lado, trabalhando entre as retrações de 50% e 38,2%. Porém, é importante se atentar que com a queda ocorrida quinta-feira (28/10), o ativo perdeu a retração de 38,2%, que estava servindo como suporte.

Se não sobe, cai!

Como a commodity deu continuidade ao movimento de baixa nesta madrugada, a expectativa é de que o ativo continue caindo em busca do terceiro alvo projetado pelo pivô. No primeiro gráfico, pode ser visto que este alvo fica próximo a linha tracejada amarela, que por sua vez, representa o fundo formado pelo ativo antes da forte alta.

Desta forma, o esperado é que o minério de ferro caia até esta região de preços. Mas, por se tratar de uma região de fundo, também se comporta como um suporte importante, o que deve segurar o preço.

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos