Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.523,47
    -1.617,17 (-1,47%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.049,05
    +174,14 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,23
    -2,65 (-3,49%)
     
  • OURO

    1.877,70
    -53,10 (-2,75%)
     
  • BTC-USD

    23.378,82
    +56,50 (+0,24%)
     
  • CMC Crypto 200

    535,42
    -1,43 (-0,27%)
     
  • S&P500

    4.136,48
    -43,28 (-1,04%)
     
  • DOW JONES

    33.926,01
    -127,93 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.901,80
    +81,64 (+1,04%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.616,50
    -230,25 (-1,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5385
    +0,0488 (+0,89%)
     

Minério de ferro se recupera com mercado em busca de compras de barganha

Terminal de minério de ferro no porto de Dalian, China

Por Matthew Chye

(Reuters) - Os contratos futuros de minério de ferro subiram nesta quarta-feira em um salto por compras de barganha após algumas sessões em queda, quando investidores permaneceram à margem com a decisão do planejador estatal da China de reprimir a especulação excessiva do mercado.

O minério de ferro mais negociado para maio na Dalian Commodity Exchange da China encerrou o dia de negociação com alta de 0,9%, a 841,5 iuanes (124,27 dólares) a tonelada.

Na Bolsa de Cingapura, o minério de ferro de referência de fevereiro subiu 0,7% para 121,40 dólares a tonelada.

O planejador estatal da China emitiu na quarta-feira seu terceiro alerta este mês contra a especulação excessiva no minério de ferro, acrescentando que aumentará a supervisão dos mercados spot e futuro do país.

O resultado da reunião de terça-feira não trouxe consequências práticas, então os mercados o assimilaram e seguiram em frente. Na verdade, alguns traders estão usando esses eventos como uma oportunidade de "comprar na baixa", disse Atilla Widnell, diretor-gerente da Navigate Commodities.

O setor imobiliário da China caiu 5,1% em 2022 em relação ao ano anterior, mostraram dados de valor agregado do Escritório Nacional de Estatísticas (NBS) nesta quarta-feira, aumentando a pressão sobre os formuladores de políticas para reviver o setor em 2023.

(Por Matthew Chye)