Mercado abrirá em 5 h 10 min

Minério de ferro salta na China com queda em casos de vírus e menores estoques

Por Enrico Dela Cruz

Por Enrico Dela Cruz

MANILA (Reuters) - Os futuros do minério de ferro na China subiram fortemente nesta terça-feira, à medida que uma queda no número de novos casos de coronavírus no país levantou esperanças de uma melhoria na demanda, enquanto menores estoques também ajudaram no sentimento do mercado.

O minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian fechou em alta de 4,9%, a 662,50 iuanes (95,49 dólares) por tonelada, após ter chegado a saltar 5,5% no meio da tarde. Os futuros na bolsa de Cingapura subiram 3,9%.

Os novos casos do vírus na China somaram 19 na segunda-feira, contra 40 um dia antes, e o presidente Xi Jinping visitou Wuhan, epicentro da epidemia, em um sinal de que o governo chinês acredita que seu esforço para controlar a situação tem funcionado.

Enquanto isso, os estoques de minério de ferro nos portos chineses continuaram a cair, com recuo de 3,4% até o momento no ano, para 126,25 milhões de toneladas, segundo dados da consultoria Mysteel.

"Os estoques ainda estão em um nível baixo e há um forte suporte para o preço do minério de ferro", disseram analistas da Sino-Steel Futures em Pequim, em nota.

"Com atividades de construção retomando, nós provavelmente vamos ver mais de 80% dos grandes projetos de infraestrutura em seu ritmo total até o final de março", disse a empresa de análise de dados Tivlon Technologies em nota.

No aço, os futuros do vergalhão na bolsa de Xangai tiveram alta de 2,3%.