Mercado abrirá em 2 h 57 min
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,76
    -0,01 (-0,02%)
     
  • OURO

    1.854,40
    -0,80 (-0,04%)
     
  • BTC-USD

    31.935,99
    -432,29 (-1,34%)
     
  • CMC Crypto 200

    645,72
    -31,17 (-4,61%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.676,14
    +37,29 (+0,56%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.546,18
    -276,11 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.445,00
    -30,50 (-0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6920
    +0,0558 (+0,84%)
     

Minério de ferro recua na China após medidas de bolsa para limitar negociações

Enrico Dela Cruz
·1 minuto de leitura

Por Enrico Dela Cruz

MANILA (Reuters) - Os futuros do minério de ferro na China e em Cingapura recuaram nesta terça-feira de níveis recorde tocados na véspera, depois que o regulador de mercado chinês ampliou esforços para conter negociações especulativas na commodity com melhor desempenho em 2020.

O contrato do minério de ferro para entrega em maio na bolsa de Dalian encerrou o pregão do dia com queda de 4,8%, a 1.055 iuanes (161,04 dólares) por tonelada, após cinco sessões consecutivas de ganhos.

A bolsa de commodities de Dalian anunciou limites para abertura de posições em um único dia a partir desta terça-feira.

Em um comunicado em separado, a bolsa também propôs reduzir alguns limites para posições nas operações em mais da metade para os futuros do minério de ferro, visando "fortalecer o gerenciamento de risco".

O movimento veio após fortes compras especulativas nos últimos dias que levaram a um pedido de grandes siderúrgicas chinesas por uma investigação regulatória. Antes, em 3 de dezembro, a bolsa já havia anunciado um limite para as operações com o contrato mais ativo do minério de ferro, para maio.

A bolsa disse que irá "ajudar dinamicamente o limite de negociação de acordo cm as condições do mercado".

Na bolsa de Cingapura, o minério de ferro recuava 6,9%, para 162,83 dólares por tonelada.

Os preços do minério de ferro mais que dobraram em 2020 e ele caminha para ser a commodity com melhor desempenho dentre as principais negociadas no mercado global, pelo segundo ano consecutivo.

No aço, o vergalhão na bolsa de Xangai recuou 0,3%.