Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.880,82
    +1.174,91 (+0,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.219,26
    +389,95 (+0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,51
    +1,69 (+2,65%)
     
  • OURO

    1.844,00
    +20,00 (+1,10%)
     
  • BTC-USD

    48.381,76
    -2.861,88 (-5,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,33
    +39,77 (+2,93%)
     
  • S&P500

    4.173,85
    +61,35 (+1,49%)
     
  • DOW JONES

    34.382,13
    +360,68 (+1,06%)
     
  • FTSE

    7.043,61
    +80,28 (+1,15%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.398,00
    +297,75 (+2,27%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4040
    -0,0085 (-0,13%)
     

Minério de ferro na China salta com forte demanda e spread ante preço spot

Min Zhang e Shivani Singh
·1 minuto de leitura

Por Min Zhang e Shivani Singh

PEQUIM (Reuters) - Os futuros do minério de ferro na China chegaram a subir 4,4% nesta quinta-feira, em meio a um grande spread entre carregamentos no mercado spot e os futuros e com um fortalecimento na demanda pelo material utilizado na fabricação do aço.

"Houve especulações de que outros lugares como a cidade de Handan e Hebei também implementariam cortes de produção, mas isso não aconteceu", disse um analista em Tangshan, ao acrescentar que a demanda por minério de ferro tem sido apoiada por uma resiliente produção siderúrgica.

A produção diária de aço nas principais usinas chinesas ficou em 2,3 milhões de toneladas nos primeiros 10 dias de abril, segundo a Associação de Ferro e Aço da China, alta de 2,9% frente ao final de março e salto de 16,9% na comparação anual.

Analistas da Huatai Futures também observaram que o spread entre os carregamentos spot e os futuros está relativamente grande agora, o que deixa espaço para que os preços futuros avancem.

Os preços spot do minério de ferro com 62% de gradação par a entrega à China ficaram estáveis na quarta-feira, a 173,5 dólares por tonelada, segundo dados da consultoria SteelHome.

O contrato mais ativo do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian, para setembro, fechou em alta de 3,6%, a 1.049 iuanes (160,56 dólares) por tonelada, após chegar a tocar 1.057 iuanes mais cedo na sessão.

No aço, o vergalhão na bolsa de Xangai para entrega em outubro caiu 0,5%, para 5.107 iuanes por tonelada.