Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.953,90
    +411,95 (+0,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.743,15
    +218,70 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,46
    +2,70 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.812,90
    +5,60 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    19.230,55
    +24,21 (+0,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    420,84
    +0,70 (+0,17%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,83 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.168,65
    -0,63 (-0,01%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.610,50
    +81,00 (+0,70%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5587
    +0,0531 (+0,96%)
     

Minério de ferro afunda com piora do cenário de demanda na China

(Bloomberg) -- O minério de ferro despencou 8% em Singapura e apagou os ganhos deste ano após siderúrgicas paralisarem seus altos-fornos em meio ao crescente pessimismo sobre as perspectivas de demanda na China.

O ingrediente siderúrgico já perdeu cerca de um quinto de seu valor desde o pico de março em uma série de declínios que se estendeu pelo oitavo dia. Os preços chineses de carvão metalúrgico, usado para fabricar aço, caíram até 12% para o menor nível desde o final de fevereiro.

O consumo de minério de ferro foi afetado pelo tombo no mercado imobiliário chinês e pela incapacidade do país de deixar o coronavírus para trás. Embora houvesse algum otimismo no mês passado de que uma melhora dos surtos estimularia uma recuperação rápida da atividade econômica, a reabertura foi seguida de testes regulares em massa e a constante ameaça de mais bloqueios.

O ritmo dos altos-fornos em Tangshan caiu semana passada pela primeira vez desde meados de maio. A Mysteel disse em nota que mais usinas no polo siderúrgico estão cortando produção para fazer manutenção devido a margens fracas. Um indicador de lucros do setor siderúrgico chinês despencou quase 90% até agora este mês.

“Com o mercado à vista lento, os preços dos produtos siderúrgicos caíram, com mais siderúrgicas agora perdendo dinheiro e acelerando a manutenção”, disse Wei Ying, analista da China Industrial Futures. No entanto, dada a velocidade da queda, o minério de ferro “pode ter sido vendido em excesso” e é provável que haja uma recuperação no segundo semestre, disse ela.

O volume diário do mercado à vista para produtos siderúrgicos relacionados à construção está em torno de 11 a 13 milhões de toneladas, contra 17 a 19 milhões de toneladas normalmente, disse Wei.

A demanda continua fraca, com poucas transações, e as perspectivas sombrias para a indústria de construção da China continuam testando a confiança do mercado, disse a Mysteel em nota. Uma série de medidas de apoio de Pequim nos últimos dois meses não resultaram em ganhos persistentes de preços, e os riscos da política Covid Zero persistem.

As siderúrgicas chinesas aumentaram a produção em uma aposta que o estímulo à infraestrutura e uma rápida recuperação na construção sustentariam a demanda, disse a analista Rosealea Yao da GavekalDragonomics, em nota. A menos que o setor imobiliário tenha uma recuperação mais forte em breve - o que ainda está longe de ser certo - a tensão entre produção alta e demanda fraca terá que ser resolvida com preços mais baixos, grandes cortes na produção ou ambos, disse ela.

O minério de ferro caiu 8% para US$ 110,40 a tonelada em Singapura, o nível mais baixo desde o início de dezembro. Os futuros em Dalian afundaram 7.4%.

More stories like this are available on bloomberg.com

©2022 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos