Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    49.402,60
    -4.789,54 (-8,84%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Microsoft tem receita 22% superior a 2020 e pode bater valor de mercado da Apple

·1 min de leitura

Com valor de mercado de US$ 2,40 trilhões (R$ 13,4 trilhões), a Microsoft está a menos de US$ 60 bilhões (R$ 334,2 bilhões) de ultrapassar a Apple — cujo valor atinge US$ 2,46 trilhões (R$ 13,7 trilhões). É a primeira vez que isso acontece desde maio de 2020 e a estimativa tem como base um ganho de 3,1% nas ações.

O aumento no preço dos títulos veio com uma estimativa de que os resultados da companhia seriam positivos pela 11ª vez consecutiva. E isso se confirmou: a receita informada nos resultados da companhia foi de US$ 43,97 bilhões (R$ 244,9 bilhões). O lucro foi de US$ 20,5 bilhões (R$ 114,2 bilhões), um aumento de 48%.

Com isso, o crescimento foi de quase 22% em um ano. Além disso, esse é o maior percentual de expansão desde 2018. “Manter crescimento de 22% na receita a uma taxa de execução de mais de US$ 180 bilhões (R$ 1 trilhão) demonstra o posicionamento sólido de todo o portfólio”, diz Keith Weiss, analista do Morgan Stanley. A aposta em bons resultados em todas as áreas fez os analistas aumentarem suas metas de preços.

Imagem: Reprodução/Unsplash/Nicholas Cappello
Imagem: Reprodução/Unsplash/Nicholas Cappello

A Microsoft negocia com prêmio de 20% no Índice Nasdaq 100 de alta tecnologia, mesmo sem ter batido a Apple na corrida pelo valor de mercado desde julho de 2020, desde que a fabricante do iPhone ultrapassou a Saudi Aramco e chegou ao primeiro lugar.

Os resultados do quarto trimestre da Apple, que saem nesta quinta-feira (28), podem ser o próximo catalisador da disputa. Os analistas destacam que os cortes nas metas de produção do iPhone 13 para 2021 podem ser um possível impacto no período.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos