Mercado abrirá em 3 h 3 min
  • BOVESPA

    123.576,56
    +1.060,82 (+0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.633,91
    +764,43 (+1,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,34
    -0,22 (-0,31%)
     
  • OURO

    1.816,40
    +2,30 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    37.837,70
    -754,96 (-1,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,80
    -18,64 (-1,98%)
     
  • S&P500

    4.423,15
    +35,99 (+0,82%)
     
  • DOW JONES

    35.116,40
    +278,24 (+0,80%)
     
  • FTSE

    7.134,25
    +28,53 (+0,40%)
     
  • HANG SENG

    26.426,55
    +231,73 (+0,88%)
     
  • NIKKEI

    27.584,08
    -57,75 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    15.055,75
    +9,50 (+0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1808
    +0,0153 (+0,25%)
     

Microsoft Defender ganhará guia que ajuda a melhorar a segurança de empresas

·1 minuto de leitura

Ferramenta criada pela Microsoft para proteger empresas que trabalham com o ambiente em nuvem, o Microsoft Defender para Identidade vai apostar em um novo sistema de conscientização para aprimorar suas defesas. Segundo o roteiro de atualizações do Microsoft 365, a ferramenta vai ganhar um guia de configuração ainda este mês.

O guia vai ajudar empresas em todos os passos necessários para configurar um ambiente de operações seguro. Segundo o TechRadar, o sistema vai verificar se a estrutura usada atinge todos os pré-requisitos da Microsoft e, a partir disso, ajudará a criar uma instância do Defender para Identidade, estabelecer uma conexão ao Active Directory e instalar seu sensor.

Após o processo de configuração ser finalizado, as identidades dos usuários passarão a ser monitoradas e o serviço promete protegê-los de qualquer atividade mal intencionada que tente comprometer suas identidades locais. A previsão é a de que o recurso seja disponibilizado pela empresa em escala internacional, com mais detalhes sendo divulgados conforme seu lançamento se aproxima.

Novas ferramentas para administradores

O mapa de atualizações do Microsoft 365 também prevê para julho a chegada de um novo sistema de ações de respostas nativas ao Microsoft Defender para Identidade. Segundo a descrição publicada pela organização, isso vai permitir que um operador de segurança ganhe a capacidade de bloquear diretamente uma conta do Active Directory ou solicitar que sua senha seja redefinida.

“Até agora, quando um usuário é confirmado como comprometido no Microsoft Defender para Identidade, é a conta do Azure Active Directory que é afetada por meio de uma regra de acesso condicional”, explica a empresa. A mudança deve permitir uma resposta mais rápida e direta no momento que isso acontece, permitindo às empresas responder mais rapidamente a ameaças externas.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos