Mexicano é o novo diretor do Departamento das Américas do FMI

Washington, 6 nov (EFE).- A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional, Christine Lagarde, designou neste terça-feira o banqueiro mexicano Alejandro Werner como novo diretor do Departamento das América da instituição.

Werner, cuja nomeação será efetiva a partir de janeiro de 2013, substituirá o FMI o ex-ministro de Finanças do Chile, Nicolás Eyzáguirre, que renunciou em julho.

Werner, segundo Lagarde, "tem uma extensa experiência em política pública e uma compreensão profunda do sistema financeiro e econômico global".

"O Departamento das Américas tem uma responsabilidade primordial na supervisão econômica de algumas das economias mais importantes do mundo", acrescentou Lagarde em uma declaração divulgada pelo FMI.

"Com a riqueza impressionante de sua experiência, Alejandro ajudará que o FMI seja mais eficaz em seu serviço com os países-membros dessa região", sustentou Lagarde.

Werner foi chefe de investimentos bancários e corporativos do BBVA Bancomer, o maior banco do México, e ocupou vários cargos públicos, incluíndo o de subsecretário de Finanças e Crédito Público. EFE

Carregando...