Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,79 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,80 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,03
    +2,54 (+3,20%)
     
  • OURO

    1.672,70
    +0,70 (+0,04%)
     
  • BTC-USD

    18.974,57
    -333,53 (-1,73%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,09 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,93 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,89 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    11.022,50
    -13,00 (-0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3040
    -0,0039 (-0,07%)
     

Meta anunciará novos óculos VR premium em outubro

Semanas após definir o que seria o "Teste de Turing Visual", a Meta (antiga Facebook) confirmou que anunciará seus próximos óculos de Realidade Virtual (VR) em outubro. Focada em um segmento premium, a novidade seria bastante ambiciosa ao supostamente ser capaz de rastrear os movimentos faciais do usuários para reproduzí-los no avatar, possibilitando "contato visual" no ambiente virtual.

A notícia foi dada durante um podcast pelo próprio CEO da Meta, Mark Zuckerberg, que indicou que a data de revelação do dispositivo deve ser próxima à do Connect 2022, evento anual em que a companhia revela algumas das novidades que está preparando para as redes sociais e o portfólio de aparelhos. O executivo afirmou ainda que os novos óculos terão algumas tecnologias bastante avançadas em comparação aos modelos já disponíveis no mercado.

Suposto visual do Meta Quest Pro, ou Project Cambria, o possível headset VR premium que deve ser anunciado em outubro (Imagem: Reprodução/Brad Lynch)
Suposto visual do Meta Quest Pro, ou Project Cambria, o possível headset VR premium que deve ser anunciado em outubro (Imagem: Reprodução/Brad Lynch)

“A habilidade de agora ter um tipo de contato visual em Realidade Virtual, ter o seu rosto rastreado de forma que o seu avatar — não é apenas uma coisa parada, mas se você sorrir ou se você franzir a testa ou se fizer uma careta, ou qualquer que seja sua expressão, ter isso traduzido em tempo real no seu avatar", explica Zuckerberg.

O chefe da Meta não deu detalhes de hardware nem um nome para o dispositivo em questão, mas a descrição sugere se tratar do Project Cambria, dispositivo premium revelado pela gigante em maio cujo desejo é expandir o uso da Realidade Mista (XR), que une interações de VR com a Realidade Aumentada (AR), proporcionando contato com o mundo real.

Project Cambria promete experiência XR turbinada

Previsto por rumores para estrear com o nome "Meta Quest Pro", que indica o posicionamento da novidade frente ao Meta Quest 2, o Project Cambria promete entregar uma experiência muito mais completa de XR. Na demonstração liberada por Mark Zuckerberg, a proposta é facilitar a integração entre AR e VR, possivelmente como maneira de incentivar a entrada de usuários no Metaverso, a maior ambição da empresa.

Alguns aspectos confirmados incluem lentes coloridas de alta resolução, sensores de rastreamento ocular e um sistema robusto de reprodução do sinal externo para AR. No entanto, todos esses avanços não sairiam barato: o próprio CEO fez questão de estacar que o Cambria é uma proposta premium, sendo "significativamente mais caro" que o Meta Quest 2, a solução de entrada da gigante.

Vale lembrar que o próprio Quest 2 sofreu recentemente um aumento substancial no preço, passando de US$ 299 (~R$ 1.520) para salgados US$ 399 (~R$ 2.030) — impactos no custos de produção teriam sido os responsáveis pelo reajuste.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: