Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.785,50
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.400,82
    -2.606,89 (-4,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Meta, antigo Facebook, deve lançar relógio inteligente

·2 min de leitura
Mulher usando um relógio inteligente
Empresa não fez nenhum anúncio formal, mas o portal Bloomberg descobriu uma imagem do modelo

(Getty Images)

  • Meta, antigo Facebook, deve lançar um relógio inteligente 

  • Rumores indicam que dispositivo possui câmera frontal na tela

  • Função pode ajudar a construir o metaverso desejado por Zuckerberg

A empresa Meta, que se chamava anteriormente Facebook, pode estar desenvolvendo um relógio inteligente. A novidade não foi anunciada oficialmente, mas o portal Bloomberg descobriu uma imagem do modelo no aplicativo que lida com os óculos Ray-Ban Stories da companhia.

Segundo o portal, o dispositivo tem um design similar ao Apple Watch, líder no mercado de relógios inteligentes. A diferença é que o da Meta não tem uma coroa protuberante que circunda a tela. 

Leia também:

Ao que tudo indica, o novo dispositivo conta com uma câmera frontal, capaz de oferecer ao usuário a liberdade de tirar fotos e gravar vídeos em movimento, sem a necessidade de estar segurando um celular.

A ideia, inclusive, pode estar atrelada ao desejo de Zuckerberg de capturar dados do mundo real para construir o metaverso do Facebook, conforme apontado pelo TecMundo.

Apesar de não haver nenhum anúncio oficial por parte da Meta, rumores apontam que relógio inteligente deve ser lançado em 2022.

Facebook muda de nome

Nesta quinta-feira (28), Zuckerberg anunciou que a empresa mudou de nome e que agora se chama Meta. A novidade foi divulgada durante o evento Facebook Connect.

De acordo com uma reportagem do The Verge, dois motivos explicam a alteração. O primeiro seria um sonho de Zuckerberg em transformar a companhia no principal nome do metaverso. O segundo teria a ver com as constantes denúncias apresentadas pelo governo americano, por ex-funcionários e reportagens divulgadas pelo Wall Street Journal.

A mudança não é estendida ao nome da rede social, que continuará o mesmo para os usuários, e altera somente o da empresa-mãe, dona do Facebook, Instagram e WhatsApp.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos