Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    34.396,38
    +606,22 (+1,79%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

Messi confessa receio de contrair Covid-19 durante a Copa América

·1 minuto de leitura
Argentina's Lionel Messi is pictured after tying 1-1 with Chile in their South American qualification football match for the FIFA World Cup Qatar 2022 at the Estadio Unico Madre de Ciudades stadium in Santiago del Estero, Argentina, on June 3, 2021. (Photo by Agustin MARCARIAN / POOL / AFP) (Photo by AGUSTIN MARCARIAN/POOL/AFP via Getty Images)

(Reuters) - Lionel Messi, atacante da Argentina, confessou no domingo, um dia antes de estrear em mais uma Copa América, que teme contrair a Covid-19, em meio a uma série de infecções em times rivais. 

  Jogadores ou dirigentes de Bolívia, Colômbia e Venezuela foram diagnosticados com o vírus mesmo antes de o torneio sul-americano começar na noite de domingo em Brasília. 

Leia também:

  Messi, que atuará com a Argentina no jogo inicial contra o Chile no Rio de Janeiro nesta segunda-feira, disse que o medo de contrair o vírus é generalizado no elenco. 

  "Isto nos preocupa, porque é um risco para todos pegar a Covid", disse ele aos repórteres. "Tentamos ser cuidadosos, mas não é fácil. Estas coisas acontecem." 

  "Tentaremos fazer tudo que pudermos para que ninguém a pegue, mas às vezes não depende somente de nós mesmos." 

  Não se acredita que Messi tenha sido vacinado, embora a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) tenha dito em abril que recebeu vacinas e que pretendia aplicá-las a todos os jogadores antes do início da Copa América. 

  A Argentina deveria ter sido uma das sedes da Copa América deste ano, mas desistiu na última hora devido a uma disparada de casos de Covid-19. O torneio foi transferido ao Brasil, apesar de o número de mortos do país ser segundo maior do maior do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. 

  (Por Ramiro Scandolo em Buenos Aires) 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos