Mercado abrirá em 9 h 37 min
  • BOVESPA

    110.345,82
    +1.857,94 (+1,71%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.376,89
    -141,41 (-0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,83
    -0,46 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.851,30
    +3,50 (+0,19%)
     
  • BTC-USD

    29.272,73
    -870,67 (-2,89%)
     
  • CMC Crypto 200

    656,06
    -18,82 (-2,79%)
     
  • S&P500

    3.973,75
    +72,39 (+1,86%)
     
  • DOW JONES

    31.880,24
    +618,34 (+1,98%)
     
  • FTSE

    7.513,44
    +123,46 (+1,67%)
     
  • HANG SENG

    20.159,85
    -310,21 (-1,52%)
     
  • NIKKEI

    26.863,33
    -138,19 (-0,51%)
     
  • NASDAQ

    11.871,75
    -163,50 (-1,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1289
    -0,0188 (-0,37%)
     

Messenger libera criptografia de ponta a ponta para chats e chamadas em grupo

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Finalmente, o Messenger do Facebook teve a segurança reforçada por criptografia de ponta a ponta para conversas em grupo e chamadas de voz. O recurso, disponível para os chats de forma opcional, entrou em testes no ano passado, mas enfim está disponível para todos os usuários do mensageiro, sem tantas restrições como na Sala secreta.

A novidade, que começou a ser distribuída nesta quinta (27), incrementa a segurança para as mensagens trocadas em conversas, impedindo que sejam interceptadas por criminosos, empresas ou autoridades. Como o nome do recurso sugere, as mensagens são cifradas de forma automática (seja numa conversa privada, seja em grupo) e só é possível decifrá-las com as chaves designadas para cada conta que participa da conversa.

Atualmente, existem duas formas de ativar a criptografia de ponta a ponta no Messenger: a primeira delas é ativando as mensagens autodestrutivas, que somem após um determinado período; a segunda, é nas conhecidas “Salas secretas”, em que o papo também se destrói automaticamente, mas boa parte dos recursos (como GIFs e vídeos) estão indisponíveis.

Mais segurança, sem restrições

Além de ser mais uma alternativa para proteger a troca de mensagens, a ativação das mensagens autodestrutivas não tem recursos a menos — dá para mandar GIFs, vídeos, stickers e reações à vontade. Inclusive, o app também dedura quem tira prints da conversa quando o modo está ativado.

Habilitar a novidade é bastante simples: na extremidade inferior da janela, onde estão as mensagens mais recentes, arraste para cima até o modo de autodestruição aparecer, ou toque no ícone de cadeado ao abrir uma nova conversa — neste caso, para abrir uma Sala secreta.

Para assegurar que a conversa é segura e chega somente no celular dos colegas envolvidos, a chave de criptografia pode ser verificada app celular do destinatário, assim como acontece no WhatsApp.

Não é igual ao WhatsApp

Vale ressaltar que, apesar de oferecer proteção equivalente à criptografia presente no "Zap", a adição recente do Messenger não é ativada por padrão e, por isso, as conversas comuns do app continuam desprotegidas. A camada de segurança que unificará toda a plataforma enfrenta problemas na implementação e tem lançamento previsto somente para 2023.

A atualização do mensageiro deve ser distribuída gradativamente entre usuários. Se você tem o app baixado no celular, vale conferir se há downloads pendentes na Play Store e na App Store. Na versão web para PC, não é necessário baixar nada para ativar a proteção.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos