Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    62.030,15
    +2.177,35 (+3,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

Mercado volta a cortar projeções para déficit fiscal e dívida este ano, mostra Prisma Fiscal

·1 minuto de leitura

BRASÍLIA (Reuters) - O mercado financeiro reduziu mais uma vez suas estimativas para o déficit primário das contas públicas para este ano e o próximo, em meio à expectativa de maior arrecadação, e previu um endividamento ligeiramente menor do governo federal, de acordo com o relatório Prisma Fiscal de outubro divulgado nesta quinta-feira.

A mediana das projeções aponta agora para um déficit primário de 129 bilhões de reais em 2021, ante rombo de 135,1 bilhões de reais previsto no relatório de setembro. Para o ano que vem, a estimativa de déficit passou a 83,1 bilhões de reais, ante 90,0 bilhões de reais estimados anteriormente.

Economistas e instituições de pesquisa consultadas elevaram as projeções para a receita líquida do governo central tanto para 2021 quanto 2022, a 1,508 trilhão de reais e 1,591 trilhão de reais, respectivamente. As projeções anteriores eram de 1,489 trilhão de reais para este ano e de 1,580 trilhão de reais para o próximo.

Com a perspectiva de um déficit primário menor, a projeção para a dívida bruta recuou a 81,39% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021, de 81,69% anteriormente, e para 82,80% em 2022, contra estimativa anterior de 83,0%.

(Por Isabel Versiani)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos