Mercado fechado

Mercado de smartphones com tela AMOLED crescerá 46% em 2020, segundo analistas

Rafael Rodrigues da Silva

De acordo com um relatório da empresa de análise de mercados Counterpoint, espera-se que em 2020 haja um aumento significativo da venda de smartphones com tela AMOLED. É esperado que, no próximo ano, eles ultrapassem a marca de 600 milhões de unidades vendidas — um crescimento em 46% em comparação com 2019.

O principal motivo apontado para esse crescimento impressionante é o fato de que diversas companhias chinesas, como Huawei, Vivo, Oppo e Xiaomi, já avisaram que passarão a adotar as telas de AMOLED também em seus modelos de smartphones intermediários, ao invés de utilizar essa tecnologia apenas em seus aparelhos de ponta.

Apesar dos smartphones estarem cada vez mais se aproximando de verdadeiros computadores de bolso, a tela ainda é um dos elementos mais cruciais de todo o hardware do aparelho, e está diretamente ligada à experiência do usuário. É por isso que boa parte de toda a campanha de marketing dos smartphones de todas as marcas em 2019 deram bastante atenção à qualidade das telas, e isto não deve ser algo que deverá mudar em 2020.

Considerada uma evolução das telas LCD, a tecnologia AMOLED oferece uma melhor qualidade de imagem, menor gasto de bateria e até mesmo uma maior flexibilidade, tornando-a mais resistente a rachaduras. O aumento do uso das AMOLEDs por modelos intermediários em 2020 pode levar as companhias a praticar alguns preços bem agressivos com um hardware que, até então, é exclusivo dos aparelhos mais caros. Isso porque, hoje, o segmento de aparelhos que custam entre US$ 300 e US$ 400 é dominado pelas telas OLED; caso a partir do ano que vem as companhias comecem a utilizar telas AMOLED nos aparelhos desta mesma faixa de preço, é esperado que a tecnologia OLED então passe a ser algo comum nos aparelhos que custam menos de US$ 200, que hoje utilizam tela LCD padrão.

Por enquanto, a líder mundial na quantidade de smartphones com tela AMOLED vendidos é a Samsung, que lidera com grande folga, com 45% de todo o mercado de aparelhos AMOLED ser dominado por modelos da marca. Em segundo lugar vem a Apple, com 16% dos aparelhos com a tecnologia vendidos no mundo, seguida pela Oppo, com 11% da fatia mundial de aparelhos com tela AMOLED.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: