Mercado fechará em 1 h 50 min

Mercado passa a ver dólar a R$4,20% este ano e Selic a 5,75% em 2021

Por Camila Moreira

Por Camila Moreira

SÃO PAULO (Reuters) - Os economistas voltaram a elevar a expectativa para o dólar neste ano, ao mesmo tempo em que passaram a ver menos aperto monetário em 2021, de acordo com a pesquisa Focus que o Banco Central divulgou nesta segunda-feira.

O levantamento semanal apontou que a expectativa para o dólar no final de 2020 passou a 4,20 reais, de 4,15 reais anteriormente, na segunda alta seguida. Para 2021 a moeda norte-americana continua sendo estimada em 4,15 reais.

Na sexta-feira, o dólar bateu novo recorde histórico nominal de fechamento e chegou a superar 4,51 reais na máxima.

Em relação à política monetária, os especialistas consultados continuam vendo a taxa básica Selic em 4,25% este ano, mas agora veem menos aperto até o fim do próximo ano, calculando os juros em 5,75% em 2021 contra 6,0% antes.

O Top-5, grupo dos que mais acertam as previsões, ainda calcula a Selic respectivamente a 4,25% e 5,75%.

Para o Produto Interno Bruto (PIB), a estimativa de crescimento em 2020 caiu 0,03 ponto percentual, para 2,17%, melhorando a 2,50% no ano seguinte.