Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    34.461,24
    +575,81 (+1,70%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

Mercado de ouro foca em estímulos após dados de inflação nos EUA

·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- Investidores do mercado de ouro avaliam o prazo do programa de estímulos do Federal Reserve, depois que os dados de inflação nos Estados Unidos ficaram muito acima do esperado.

O índice de preços ao consumidor subiu 0,9% em junho em relação ao mês anterior, segundo relatório do Ministério do Trabalho. A alta superou de longe a previsão média de 0,5%.

O estímulo do Federal Reserve tem sido um fator determinante sobre o ouro desde o início da pandemia. O metal encerrou junho com seu pior mês desde 2016, com a antecipação das previsões do Fed para o aumento dos juros diante dos temores de inflação. Embora o banco central tenha insistido que as pressões sobre os preços são transitórias, algumas autoridades de política monetária estão preocupadas que ganhos persistentes possam levar a uma inflação descontrolada.

“O número de inflação mais forte certamente reforça a precificação sobre o Fed, e provavelmente manterá as expectativas de redução dos estímulos em mente mais cedo ou mais tarde, o que continua a sugerir que não há ímpeto para comprar ouro”, disse Ryan McKay, estrategista da TD Securities. “Ao mesmo tempo, esta é a narrativa que foi precificada para o ouro nas últimas semanas, e o posicionamento é bastante claro. Portanto, pode ser que o ouro não enfraqueça substancialmente com isso, mas apenas continue colocando uma 'toalha molhada' na alta por enquanto.”

Desde a forte queda do ouro no mês passado, a demanda dos investidores tem sido em grande parte moderada, apesar dos rendimentos mais baixos do Tesouro, que normalmente aumentam o apelo do metal. Os fundos de índice reduziram as posições em julho, enquanto a exposição líquida dos fundos de hedge negociados na Comex permanece baixa.

“Esta postura cautelosa do investidor em relação ao ouro é provavelmente justificada, dada a nossa perspectiva de cenário-base tanto para os rendimentos dos EUA quanto para o dólar”, disseram anteriormente em relatório analistas do JPMorgan Chase, como Natasha Kaneva. “Continuamos com nossa perspectiva de baixa para os preços do ouro ao longo do balanço do ano.”

More stories like this are available on bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos