Mercado de imóveis do Brasil foi o que mais valorizou, aponta pesquisa

SÃO PAULO – Pesquisa da consultoria imobiliária Knight Frank considerou o mercado de imóveis no Brasil como o que obteve maior aumento de preços entre o 3º trimestre deste ano em comparação ao do ano passado: 15,2%. No entanto, o estudo Global House Price Index – algo como Índice Global de Preços de Imóveis – revelou que o ritmo de crescimento deste setor no País está ficando mais lento.

Levando em consideração este período, o Brasil ficou na frente de Hong Kong (14,2%) e Turquia (11,5%), respectivamente, o 2º e 3º lugar no ranking de maiores elevações de preços.

Do total de 55 países analisados, as últimas colocações, com variações negativas, foram de países europeus: Grécia (-11,7%), Irlanda (-9,6%) e Espanha (-9,3%).

“Com a Zona do Euro em sua segunda recessão em três anos, não é por acaso que os 12 últimos colocados sejam países europeus", avaliou Kate Everett-Allen, responsável pela pesquisa.

Veja o ranking com os dez países que tiveram as maiores altas no setor:

Alta dos preços dos imóveis
Ranking País Valorização em 12 meses
(3º tri 2011 / 3º tri 2012) 
*dados do 2º trimestre
** Global House Price Index - Knight Frank 
Brasil 15,2%
Hong Kong 14,2%
Turquia 11,5%
Rússia 10,7%
*Colômbia 10,5%
Áustria 10,1%
China 7,7%
Malásia 7,3%
Noruega 7,0%
10º Islândia 6,6%

América do Sul
Nos dados por continentes, a América do Sul foi a campeã nas variações positivas nos últimos doze meses: quase 10%, seguido pela Ásia (4%) e América do Norte (próximo a 3,8%).

Outros intervalos
Segundo o levantamento, entre o 1º e o 3º trimestre deste ano, a valorização imobiliária no Brasil foi de 6,3%. Já entre o 2º e o 3º trimestre, essa alta foi de 3%.

Carregando...