Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,50 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.683,55
    -126,66 (-0,28%)
     
  • PETROLEO CRU

    51,98
    -1,15 (-2,16%)
     
  • OURO

    1.855,50
    -10,40 (-0,56%)
     
  • BTC-USD

    31.964,61
    +170,28 (+0,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    651,44
    +41,45 (+6,79%)
     
  • S&P500

    3.841,47
    -11,60 (-0,30%)
     
  • DOW JONES

    30.996,98
    -179,03 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.695,07
    -20,35 (-0,30%)
     
  • HANG SENG

    29.447,85
    -479,91 (-1,60%)
     
  • NIKKEI

    28.631,45
    -125,41 (-0,44%)
     
  • NASDAQ

    13.355,25
    -40,25 (-0,30%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6542
    +0,1458 (+2,24%)
     

Mercado brasileiro de PCs cresce quase 10% no terceiro trimestre de 2020

Felipe Ribeiro
·1 minuto de leitura

Impulsionado pelo alto número de vendas de notebooks, o mercado brasileiro de PCs reagiu e cresceu 9,9% no terceiro trimestre de 2020. De acordo com a IDC Brasil, os notebooks venderam 1,3 milhão de unidades, 25,7% a mais do que o mesmo período de 2019. O incremento, claro, foi beneficiado pelas necessidades provocadas pela pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2).

Além das peculiaridades em tempos de pandemia, o preço médio desses produtos também teve uma leve alta, com acréscimo de 0,4%, fechando em R$ 4.363. Do total de 1,6 milhão de computadores vendidos no Q3, 1,1 milhão foi comercializado no varejo e 451 mil foram destinadas ao mercado corporativo. Já as vendas de desktops sofreram queda de 28,3%, com 307 mil unidades vendidas a um preço médio de R$ 3.555, 2,4% a menos do que no segundo trimestre de 2020.

Ainda de acordo com a IDC, contribuiu para esse bom número no varejo o fato de as empresas terem se preparado melhor para a demanda. As fabricantes decidiram enviar produtos para os canais em setembro, quando historicamente essa atividade acontece com maior ênfase em outubro, numa medida preventiva à alta demanda durante a Black Friday.

Notebooks seguem impulsionando mercado de PCs no Brasil (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)
Notebooks seguem impulsionando mercado de PCs no Brasil (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Para o quarto trimestre de 2020, a IDC Brasil prevê que o varejo continuará registrando alta, em média de 22%, e o setor corporativo terá um crescimento tímido de 0,1%. No total, a consultoria prevê alta de 8,4% no mercado de PCs no quarto trimestre de 2020.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: