Mercado fechará em 3 h 49 min
  • BOVESPA

    100.965,81
    +413,38 (+0,41%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.395,49
    -273,76 (-0,71%)
     
  • PETROLEO CRU

    40,86
    +0,83 (+2,07%)
     
  • OURO

    1.901,60
    -27,90 (-1,45%)
     
  • BTC-USD

    12.923,79
    +1.866,78 (+16,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    261,09
    +4,99 (+1,95%)
     
  • S&P500

    3.431,18
    -4,38 (-0,13%)
     
  • DOW JONES

    28.182,71
    -28,11 (-0,10%)
     
  • FTSE

    5.776,29
    -0,21 (-0,00%)
     
  • HANG SENG

    24.786,13
    +31,71 (+0,13%)
     
  • NIKKEI

    23.474,27
    -165,19 (-0,70%)
     
  • NASDAQ

    11.582,00
    -109,25 (-0,93%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6016
    -0,0484 (-0,73%)
     

Menino tenta comprar casa para família por R$ 50 mensais até completar R$ 110 mil

Colaboradores Yahoo Notícias
·2 minutos de leitura
Daiana Campiolo e o filho, João Bernardo; à direita, a negociação do imóvel
Daiana Campiolo e o filho, João Bernardo; à direita, a negociação do imóvel

João Bernardo tem um sonho: morar em uma casa própria com a mãe, Daiana Campiolo, e o irmão mais velho, Kauan. Preocupado com o aluguel do imóvel, o garoto de nove anos decidiu procurar por conta própria uma nova residência para a família. A negociação viralizou nas redes sociais.

O menino, que mora em Maringá, no norte do Paraná, entrou em um aplicativo e fez uma oferta para comprar uma casa de R$ 110 mil, localizada em Sergipe, por R$ 50 mensais até completar o valor total do imóvel.

Leia também

“Queria comprar a casa, mas não tenho tanto dinheiro”, disse a criança na troca de mensagens. Ao fazer a oferta, o garoto justificou que estava procurando uma casa nova porque a casa onde moram é pequena e quer que a mãe pare de pagar aluguel.

A troca de mensagens entre o menino e o vendedor foi postada pela mãe dele em seu perfil no Facebook. Em entrevista ao portal G1, Daiana Campiolo disse que João começou a mexer nos aplicativos de compra e venda pela internet quando colocou um jogo à venda para tentar comprar outro.

Quando o menino contou que estava tentando negociar uma casa, ela não acreditou. “Não achei que ele estava falando sério. Ele disse: ‘Mãe, vamos ter que ganhar na Mega Sena. Vi uma casa grande, com três quatros, para a gente morar’. Só depois eu vi a troca das mensagens”, afirmou Daiana, que trabalha como diarista.