Mercado fechado
  • BOVESPA

    104.343,10
    +3.568,53 (+3,54%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.856,92
    +849,76 (+1,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,82
    +1,25 (+1,91%)
     
  • OURO

    1.769,60
    -14,70 (-0,82%)
     
  • BTC-USD

    56.973,43
    +69,88 (+0,12%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.449,43
    +10,55 (+0,73%)
     
  • S&P500

    4.577,10
    +64,06 (+1,42%)
     
  • DOW JONES

    34.639,79
    +617,75 (+1,82%)
     
  • FTSE

    7.129,21
    -39,47 (-0,55%)
     
  • HANG SENG

    23.788,93
    +130,01 (+0,55%)
     
  • NIKKEI

    27.753,37
    -182,25 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.978,25
    +108,50 (+0,68%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3758
    -0,0710 (-1,10%)
     

Melhores alternativas ao Moto G9 Play

·7 min de leitura

O Moto G9 Play foi lançado em 2020 como um intermediário básico, com a proposta de ser o mais acessível da linha Moto G na época. Ele trouxe diversas melhorias em relação à geração anterior, tornando-se bastante atrativo e funcional. Mas será que ainda faz sentido adquirir esse aparelho agora, no final de 2021?

Respondendo de forma curta, não. Isso porque já tivemos diversos outros lançamentos durante o ano de 2021 que oferecem recursos mais práticos e atualizações de componentes que carecem bastante no Moto G9 Play, nos dias de hoje, quando pensamos em um celular novo. Sendo assim, montamos uma seleção com as melhores alternativas atuais para quem estava procurando o dito celular da Motorola.

A lista dos intermediários de entrada é bastante extensa e, por isso, procuramos alguns fatores para selecionar as melhores alternativas. Começando pela faixa de preço semelhante, ou seja, por volta de R$800 a R$1.000. Ainda que alguns dos selecionados sejam normalmente mais caros, é possível encontrá-los próximos a esses valores em promoções.

As configurações também entraram nesse filtro (conjunto de câmeras, bateria e performance) visto que o público-alvo dessa categoria, busca aparelhos sem grandes detalhes e que não vão deixar o usuário na mão no dia-a-dia ou em uma jogatina. Então segue com a gente para descobrir as melhores alternativas ao Moto G9 Play em 2021.

Alternativas ao Moto G9 Play com telas e câmeras melhores

Uma tela HD em 2021 mostra como o Moto G9 Play começa a sentir o peso da idade. Com o consumo de vídeos e streaming só aumentando em aparelhos portáteis, essa tela prejudica, e muito, a experiência de assistir a uma série ou filme pelo celular. Você perde boa parte da riqueza de detalhes que as cenas podem transmitir.

Nesse quesito, os intermediários da Samsung são referência de tecnologia para telas e também câmeras mais potentes na categoria em que o Moto G9 Play se insere. Bons exemplos são os Galaxy M21s e A21s.

O representante da linha M tem três lentes, uma principal com sensor de 64 MP, uma ultra-wide com 8 MP e um sensor de profundidade, para modo retrato. Além disso, sua câmera frontal conta com 32 MP, enquanto o Motorola tem apenas 8 MP. É possível gravar vídeos com resolução 4K tanto na principal quanto na de selfie.

Se formos considerar a outra opção (A21s), temos 4 câmeras, agora com uma principal de 48 MP, uma de 8 MP (ultra-wide), sensor de profundidade e uma macro de 2 MP. Para capturar selfies, você conta com 13 MP.

  • Confira no Canaltech Ofertas o melhor preço: Galaxy A21s

Fonte: Divulgação/ Galaxy A21s
Fonte: Divulgação/ Galaxy A21s

Já os chipsets que equipam os aparelhos são o Exynos (desenvolvidos pela própria Samsung). No M21s, temos a versão 9611; e, no A21s, o 850. Eles dão conta do recado para o uso diário, mas não espere tanta agilidade na hora de carregar os aplicativos.

Por vezes, eles podem demorar um pouquinho para lidar com apps pesados. No caso da linha M, vemos dificuldade na hora de processar as fotos com resolução de 64 MP.

Outro diferencial, desta vez exclusivo do M21s, é sua tela de Super AMOLED, com excelente brilho e um contraste superior às outras opções da lista.

Ele também possui uma bateria que chega aos 6.000 mAh. Entretanto, seu carregador deixa a desejar com apenas 15 W, o que significa um bom chá de cadeira quando precisar carregar o celular até 100%.

Fonte: Divulgação/ Galaxy M21s
Fonte: Divulgação/ Galaxy M21s

Assim, para o consumo de mídias, como vídeos, séries e filmes em serviços de streaming ou para jogatinas, esse aparelho pode oferecer uma experiência diferenciada devido à sua tela, que traz muito mais riqueza de detalhes e uma fidelidade de cores superior.

Essas opções foram encontradas na faixa de R$1.400 - R$1.500, sendo os mais caros da lista, mas que podem agregar bastante, tanto pelo conjunto de lentes como pelos displays.

Alternativas baratas ao Moto G9 Play

Agora, se você quer atualizar seu celular, mas sem desembolsar tanto para isso, uma alternativa ao Moto G9 Play é o Poco M3. Ele já possui um visor IPS (LCD) de 6,53 polegadas com resolução Full HD. Pensando nos consumidores de mídias digitais, seu sistema de som é superior também.

Além disso, ele conta com uma bateria de 6.000 mAh, em contraste aos 5.000 mAh do Motorola. Upgrade muito bem-vindo para os mobile gamers, pois isso permite mais horas de gameplay longe da tomada.

Fonte: Divulgação/ Poco M3
Fonte: Divulgação/ Poco M3

Quando pensamos em câmeras o Moto G9 Play é, no máximo, mediano, visto que seu conjunto triplo, na verdade é duplo. Ele tem uma câmera principal de 48 MP, um sensor de profundidade e uma macro de 2 MP, porém essa resolução não agrega em quase nada aos detalhes que uma foto em proximidade exige.

Por isso, muitos usuários, principalmente os aficionados por fotografia, não conseguirão extrair todo o potencial que as fotos em proximidade podem ter.

Dessa forma, ela acaba perdendo seu uso no dia-a-dia.
Assim, quando pensamos apenas em quantidade de lentes, podemos sugerir o Nokia 5.4, já que seu conjunto é complementado com uma lente ultra-wide de 5 MP, que consegue registrar fotos com grande campo de visão. Trazendo mais aplicações do que uma lente macro com sensor de baixa resolução.

Tanto o Poco M3 quanto o Nokia 5.4 são equipados com Snapdragon 662. Processador mais do que suficiente para rodar aplicativos e jogos sem sofrer qualquer engasgo. Ele é um 665 revisado e mais otimizado.

Fonte: Foto Canaltech/ Nokia 5.4
Fonte: Foto Canaltech/ Nokia 5.4

Um fator importante a se considerar quando estamos falando de celulares Android, é o suporte a novas atualizações. Nesse caso, as duas alternativas estão aptas para receber a 11ª versão do sistema operacional. Em aparelhos com o novo OS, já é possível ver melhorias de eficiência nas baterias.

Em questão de preço, o Poco M3 pode ser encontrado por volta de R$1.200, mas em algumas promoções pode baixar até R$900. Já o Nokia 5.4, encontramos ofertas a partir de R$ 900, com um preço médio de R$1.300

Alternativas mais recentes ao Moto G9 Play

Se você estiver interessado em aparelhos mais recentes, o Realme C25 é uma escolha segura. Ele é uma ótima opção para aqueles que ainda não conhecem a marca e gostariam de experimentar uma fabricante nova. Além disso, ele é super acessível, ficando ali na faixa de R$ 1.000

Por ser um lançamento de 2021, ele já ganha pontos sobre o Moto G9 Play, pelas atualizações que vai receber e também por ser um celular recém-anunciado, mas na mesma faixa de preço.

Assim como as outras opções, ele supera a fabricante norte-americana no “tanque de bateria”, com excelentes 6.000 mAh, mais do que suficiente para, praticamente, 2 dias longe da tomada. Contudo, sofre do mesmo mal que os aparelhos da Samsung. Seu carregador não oferece potência suficiente para um carregamento rápido.

Ele vem equipado com o chipset MediaTek Helio G70 (equivalente ao Snapdragon 665), que é muito competente para a categoria que se encontra, sendo uma opção forte para rodar aplicativos e jogos. Tanto é que, em testes de benchmark, ele se mostrou superior aos chips produzidos pela Qualcomm nessa categoria.

Entretanto, o software ainda peca em alguns detalhes, como é o caso da tradução da interface. Por vezes, é possível encontrar descrições em inglês ou outras línguas, mesmo com o sistema configurado para português brasileiro.

Fonte: Foto Canaltech/ Realme C25
Fonte: Foto Canaltech/ Realme C25

A tela do Realme C25 apresenta a mesma resolução que o Moto G9 Play tem, então é preciso pesar as preferências. Por existirem diversas opções, o ideal é entender suas necessidades e prioridades quando se pensa em smartphones.

Será que você está buscando algo para fotografias e vídeos, para fazer filmagens da família, viagens ou registrar momentos? Ou então precisa de um celular que consegue ficar longe da tomada por bastante tempo, dessa forma não fica preso a powerbanks ou correndo atrás de adaptadores e tomadas? Ou talvez você esteja buscando um intermediário básico, para jogar de vez em quando e usar aplicativos mais leves.

Veja as ofertas para o Redmi 9

Fonte: Divulgação/ Xiaomi Redmi 9
Fonte: Divulgação/ Xiaomi Redmi 9


Por fim, se o seu limitador for preço, ainda temos a sugestão do Xiaomi Redmi 9, que fica abaixo em questão de desempenho e câmeras, mas é possível encontrá-lo por algo próximo de R$ 900 em algumas promoções. Ele ainda oferece o chipset MediaTek Helio G80, tela IPS LCD com resolução Full HD.

Essas são as alternativas que encontramos dentro dos segmentos intermediários. Agora fica a seu critério encontrar a opção que faz mais sentido para seu uso, de forma a encontrar o melhor custo-benefício.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos