Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,39 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,98
    +1,48 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    61.188,79
    -94,89 (-0,15%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,69 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.324,00
    -154,75 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

'Medo e Delírio em Brasília' tenta explicar insanidades do governo

·3 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Não é fácil entender o que acontece no governo Bolsonaro. Todo os dias surgem militares em diferentes cargos, falas absurdas do presidente ou alguma denúncia sobre compras de vacinas diante das mais de 500 mil mortes por Covid. Diante de tudo isso, pode prevalecer a raiva. Ou não. Como já dizia o mestre Cartola, "rir para não chorar".

Com paródias de políticos e memes, Pedro Daltro e Cristiano Botafogo, criadores do podcast "Medo e Delírio em Brasília", comentam essa "bad trip escrota em que a gente se meteu".

Estamos falando do atual contexto do Brasil, terra em que fala de senadores vira funk. Foi o que aconteceu com Renan Calheiros, relator da CPI da Covid, que vem ganhando destaque nos últimos meses. A frase "capricha, Renan", dita por ele durante o podcast de Malu Gaspar, virou hit na mão de Daltro e Botagofo.

Inicialmente, "Medo e Delírio em Brasília" foi um blog criado em 2018, que ainda está ativo e é escrito por Daltro. Até que Botafogo se juntou a ele em 2019 para transformar aqueles textos criativos em roteiro. Deu certo.

Disponível pela Central 3 em todos os agregadores de podcast, seus episódios, que vão ao ar às terças e quintas, vão de 30 a 50 minutos. Porém, a partir do momento em que se aperta o play, não se percebe o tempo passar.

O programa faz análises ácidas e aborda as maiores repercussões da política no país a partir do talento de imitação de Daltro e da boa seleção das falas de Bolsonaro. Num único episódio, ouvimos o ex-presidente Lula, o deputado Alexandre Frota, e o locutor já morto Lombardi falando sobre o mesmo assunto. Criatividade é o que não falta, desde os nomes dos episódios até a referência aos personagens de Brasília.

Por exemplo, Élcio Franco, ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde e atual assessor da Casa Civil, é retratado de maneira cômica como "o terrível homem do broche de caveira", sempre acompanhado de música sinistra.

O lado musical é um dos fortes de "Medo e Delírio em Brasília". As falas do presidente se transformam, por exemplo, na abertura dos episódios. "É uma canalhice o que vocês estão fazendo" vem acompanhada de algumas notas no piano. A equipe também faz marchinhas que grudam na cabeça, além dos bordões. Frases como "vem tribunal de Haia" e "malditos milicos" fazem parte de seu vocabulário e chegam a estampar cartazes e camisetas --da própria loja do podcast-- em manifestações.

No entanto, é fácil se perder no meio do programa, com tanta informação e abundância de áudios usados para dar graça ao que está sendo dito. É quase como se estivéssemos vendo um vídeo no YouTube, cheio de cortes e momentos de falas engraçadas. No fim, o vaivém e a mistura de sons até que combinam com o delírio em que vivemos.

Essa fórmula é repetida em todos os episódios, o que mantém ouvintes fiéis, mas também pode afastar outros pelo formato repetitivo. Ainda assim, "Medo e Delírio" se aproveita bem do noticiário vindo direto do Planalto.

Dizem que os roteiristas que escrevem a história do Brasil não estão de brincadeira. É possível dizer que Pedro Daltro, responsável pelos textos do podcast, consegue acompanhar todos eles. O resultado é um podcast para se manter informado, rir e passar raiva. Não necessariamente nesta ordem.

*

MEDO E DELÍRIO EM BRASÍLIA

Quando: Novos episódios ter. a sex.

Onde: Disponível no Spotify, Apple Podcasts e Deezer e em aplicativo próprio

Produção: Pedro Daltro e Cristiano Botafogo​

Link: https://www.central3.com.br/category/podcasts/medo-e-delirio/

Avaliação: Muito bom

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos